COMISSÃO REALIZA REUNIÃO ONLINE COM REPRESENTANTES DA ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORAL NOS REGIONAIS

Ao dar início à reunião online que aconteceu no sábado, dia 20 de novembro, com os representantes da Animação Bíblica da Pastoral nos regionais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), o arcebispo de Curitiba e presidente da Comissão para a Animação Bíblico-Catequética da CNBB, dom José Antônio Peruzzo, fez uma saudação inicial ao grupo, destacando a importância do discernimento acerca da Animação Bíblica da Pastoral.

“Temos grandes e nobres caminhos a instalar, mas são promissores justamente por se tratar da Palavra, da potência transformadora que a Palavra de Deus tem para a humanidade e para a Igreja”, disse dom Peruzzo.

O arcebispo completou sua fala dizendo, ainda, que todos são servos dessa grande verdade e, ao mesmo tempo, deste mistério. “E esse nosso encontro, reflexão tem as características dos discípulos que querem se deixar ensinar por seu Senhor”, enfatizou.

Dom José Antônio Peruzzo, arcebispo de Curitiba
Dom José Antônio Peruzzo, arcebispo de Curitiba

Na sequência, Mariana Venâncio, assessora da Comissão para a Animação Bíblico-Catequética, fez uma apresentação aos participantes da reunião sobre os eventos já programados pela Comissão para o ano de 2022. Foram explicadas as possíveis datas em que ocorrerão os cursos, seminários e reuniões promovidos pela Comissão.

A ocasião também foi oportuna para que os assessores da Comissão, Mariana Venâncio e padre Jânison de Sá, entregassem o projeto final de Animação Bíblica da Pastoral (ABP) à nível nacional. O texto foi previamente apresentado ao grupo e também aos bispos da Animação Bíblica da Pastoral nos regionais e aos bispos do Conselho Episcopal Pastoral da CNBB, o Consep, que fizeram suas contribuições. O texto corrigido foi enviado aos participantes, via WhatsApp, durante a reunião.

Além disso, foi possível durante a reunião dar dicas e pistas para a elaboração dos projetos regionais de ABP, a partir de sugestões feitas pelos coordenadores regionais da Animação Bíblico-Catequética. Fazem parte dessas dicas a organização dos encontros formativos da equipe sobre o Estudo 114 e outros documentos concernentes à ABP; a formação das equipes diocesanas e a integração das mesmas nos momentos formativos regionais e a redação do projeto regional da ABP.

Outros temas

Na reunião, também houve a partilha de experiências entre os participantes. Nesta hora, dom Peruzzo destacou que a ABP não significa apenas ter a Bíblia como referência, em orações iniciais e encontros, mas como inspiração primeira. Não apenas uma motivação, mas o ânimo.

Tiago Willian, do regional Sul 4, partilhou os encontros da equipe regional de ABP e enviou para todos um relato de como a equipe escolheu se dividir entre os eixos indicados no Documento 97 da CNBB.

Décio lembrou o encontro com os coordenadores diocesanos da ABP e coordenadores de pastoral do regional Sul 3. Ilza Vidal partilhou também sobre os bons frutos da integração entre ABP e ABC no regional, especialmente com os catequistas e lembrou os avanços que as reuniões da ABP têm proporcionado.

Irmã Zuleica informou também sobre a redação do projeto da ABP no regional Leste 2, que está começando. Estão planejando um encontro de escuta das dioceses. O trabalho de ABP e ABC também é articulado, por meio da participação de um representante da ABC nos encontros da ABP que, no momento, tem sido a Lucimara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

20 − quatro =