19.1 C
São Paulo
quarta-feira, 26 setembro, 2018.

Liturgia diária

< 2018 >
Setembro
«
»
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
agosto
agosto
agosto
agosto
agosto
agosto
1
  • Sábado da 21ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    01/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 1,26-31

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – 26Vede, irmãos, o vosso grupo de eleitos: não há entre vós muitos sábios, humanamente falando, nem muitos poderosos, nem muitos nobres.27O que é estulto no mundo, Deus o escolheu para confundir os sábios; e o que é fraco no mundo, Deus o escolheu para confundir os fortes;28e o que é vil e desprezível no mundo, Deus o escolheu, como também aquelas coisas que nada são, para destruir as que são.29Assim, nenhuma criatura se vangloriará diante de Deus.30É por sua graça que estais em Jesus Cristo, que, da parte de Deus, se tornou para nós sabedoria, justiça, santificação e redenção,31para que, como está escrito: quem se gloria, glorie-se no Senhor (Jr 9,23). – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 32,12-13. 18-19. 20-21 (R. Cf. 12b)

    R. Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança!
    12 Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, e a nação que escolheu por sua herança! 13 Dos altos céus o Senhor olha e observa; ele se inclina para olhar todos os homens. R.

    18 Mas o Senhor pousa o olhar sobre os que o temem, e que confiam esperando em seu amor, 19 para da morte libertar as suas vidas e alimentá-los quando é tempo de penúria. R.

    20 No Senhor nós esperamos confiantes, porque ele é nosso auxílio e proteção! 21 Por isso o nosso coração se alegra nele, seu santo nome é nossa única esperança. R. 

    Evangelho – Mt 25,14-30

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus  – 14Será também como um homem que, tendo de viajar, reuniu seus servos e lhes confiou seus bens.15A um deu cinco talentos; a outro, dois; e a outro, um, segundo a capacidade de cada um. Depois partiu.16Logo em seguida, o que recebeu cinco talentos negociou com eles; fê-los produzir, e ganhou outros cinco.17Do mesmo modo, o que recebeu dois, ganhou outros dois.18Mas, o que recebeu apenas um, foi cavar a terra e escondeu o dinheiro de seu senhor.19Muito tempo depois, o senhor daqueles servos voltou e pediu-lhes contas.20O que recebeu cinco talentos, aproximou-se e apresentou outros cinco: – Senhor, disse-lhe, confiaste-me cinco talentos; eis aqui outros cinco que ganhei.’21Disse-lhe seu senhor: – Muito bem, servo bom e fiel; já que foste fiel no pouco, eu te confiarei muito. Vem regozijar-te com teu senhor.22O que recebeu dois talentos, adiantou-se também e disse: – Senhor, confiaste-me dois talentos; eis aqui os dois outros que lucrei.23Disse-lhe seu senhor: – Muito bem, servo bom e fiel; já que foste fiel no pouco, eu te confiarei muito. Vem regozijar-te com teu senhor.24Veio, por fim, o que recebeu só um talento: – Senhor, disse-lhe, sabia que és um homem duro, que colhes onde não semeaste e recolhes onde não espalhaste.25Por isso, tive medo e fui esconder teu talento na terra. Eis aqui, toma o que te pertence.26Respondeu-lhe seu senhor: – Servo mau e preguiçoso! Sabias que colho onde não semeei e que recolho onde não espalhei.27Devias, pois, levar meu dinheiro ao banco e, à minha volta, eu receberia com os juros o que é meu.28Tirai-lhe este talento e dai-o ao que tem dez.29Dar-se-á ao que tem e terá em abundância. Mas ao que não tem, tirar-se-á mesmo aquilo que julga ter.30E a esse servo inútil, jogai-o nas trevas exteriores; ali haverá choro e ranger de dentes. – Palavra da Salvação.

2
  • 22º Domingo do Tempo Comum
    Dia Todo
    02/09/2018

    Primeira Leitura – Dt 4,1-2.6-8

    Leitura do Livro do Deuteronômio – 1E agora, ó Israel, ouve as leis e os preceitos que hoje vou ensinar-vos. Ponde-os em prática para que vivais e entreis na posse da terra que o Senhor, Deus de vossos pais, vos dá.2Não ajuntareis nada a tudo o que vos prescrevo, nem tirareis nada daí, mas guardareis os mandamentos do Senhor, vosso Deus, exatamente como vos prescrevi. 6Observai-as, praticai-as, porque isto vos tornará sábios e inteligentes aos olhos dos povos, que, ouvindo todas essas prescrições, dirão: eis uma grande nação, um povo sábio e inteligente. _7Haverá, com efeito, nação tão grande, cujos deuses estejam tão próximos de si como está de nós o Senhor, nosso Deus, cada vez que o invocamos?8Qual é a grande nação que tem mandamentos e preceitos tão justos como esta lei que vos apresento hoje? – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 14,2-3ab.3cd-4ab.5 (R. 1a)

    R. Senhor, quem morará em vossa casa e no vosso monte santo, habitará?
    É aquele que caminha sem pecado e pratica a justiça fielmente; 3a que pensa a verdade no seu íntimo 3b e não solta em calúnias sua língua. R.

    3c Que em nada prejudica o seu irmão, 3d nem cobre de insultos seu vizinho; 4a que não dá valor algum ao homem ímpio, 4b mas honra os que respeitam o Senhor. R.

    não empresta o seu dinheiro com usura, nem se deixa subornar contra o inocente. Jamais vacilará quem vive assim! R.

    Segunda Leitura – Tg 1,17-18.21b-22.27

    Leitura da Carta de São Tiago – 17Toda dádiva boa e todo dom perfeito vêm de cima: descem do Pai das luzes, no qual não há mudança, nem mesmo aparência de instabilidade.18Por sua vontade é que nos gerou pela palavra da verdade, a fim de que sejamos como que as primícias das suas criaturas. 21b recebei com mansidão a palavra em vós semeada, que pode salvar as vossas almas.22Sede cumpridores da palavra e não apenas ouvintes; isto equivaleria a vos enganardes a vós mesmos. 27A religião pura e sem mácula aos olhos de Deus e nosso Pai é esta: visitar os órfãos e as viúvas nas suas aflições, e conservar-se puro da corrupção deste mundo. – Palavra do Senhor.

    Evangelho – Mc 7,1-8.14-15.21-23

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos – 1Os fariseus e alguns dos escribas vindos de Jerusalém tinham sereunido em torno dele.2E perceberam que alguns dos seus discípulos comiam o pão com as mãos impuras, isto é, sem as lavar.3(Com efeito, os fariseus e todos os judeus, apegando-se à tradição dos antigos, não comem sem lavar cuidadosamente as mãos;4e, quando voltam do mercado, não comem sem ter feito abluções. E há muitos outros costumes que observam por tradição, como lavar os copos, os jarros e os pratos de metal.)5Os fariseus e os escribas perguntaram-lhe: Por que não andam os teus discípulos conforme a tradição dos antigos, mas comem o pão com as mãos impuras?6Jesus disse-lhes: Isaías com muita razão profetizou de vós, hipócritas, quando escreveu: Este povo honra-me com os lábios, mas o seu coração está longe de mim.7Em vão, pois, me cultuam, porque ensinam doutrinas e preceitos humanos (29,13).8Deixando o mandamento de Deus, vos apegais à tradição dos homens. 14Tendo chamado de novo a turba, dizia-lhes: Ouvi-me todos, e entendei.15Nada há fora do homem que, entrando nele, o possa manchar; mas o que sai do homem, isso é que mancha o homem. 21Porque é do interior do coração dos homens que procedem os maus pensamentos: devassidões, roubos, assassinatos,22adultérios, cobiças, perversidades, fraudes, desonestidade, inveja, difamação, orgulho e insensatez.23Todos estes vícios procedem de dentro e tornam impuro o homem. – Palavra da Salvação.

     

3
  • São Gregório Magno, Presbítero e Doutor. Memória.
    Dia Todo
    03/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 2,1-5

    Leitura da Primeira Carta de Sóo Paulo aos Coríntios – 1Também eu, quando fui ter convosco, irmãos, não fui com o prestígio da eloqüência nem da sabedoria anunciar-vos o testemunho de Deus.2Julguei não dever saber coisa alguma entre vós, senão Jesus Cristo, e Jesus Cristo crucificado.3Eu me apresentei em vosso meio num estado de fraqueza, de desassossego e de temor.4A minha palavra e a minha pregação longe estavam da eloqüência persuasiva da sabedoria; eram, antes, uma demonstração do Espírito e do poder divino,5para que vossa fé não se baseasse na sabedoria dos homens, mas no poder de Deus. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 118,97. 98. 99. 100. 101. 102 (R. 97a)

    R. Quanto eu amo, ó Senhor, a vossa lei!
    97 Quanto eu amo, ó Senhor, a vossa lei! Permaneço o dia inteiro a meditá-la. R.

    98 Vossa lei me faz mais sábio que os rivais, porque ela me acompanha eternamente. R.

    99 Fiquei mais sábio do que todos os meus mestres, porque medito sem cessar vossa Aliança. R.

    100 Sou mais prudente que os próprios anciãos, porque cumpro, ó Senhor, vossos preceitos. R.

    101 De todo mau caminho afasto os passos, para que eu siga fielmente as vossas ordens. R.

    102 De vossos julgamentos não me afasto, porque vós mesmo me ensinastes vossas leis. R. 

    Evangelho – Lc 4,16-30

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas – 16Dirigiu-se a Nazaré, onde se havia criado. Entrou na sinagoga em dia de sábado, segundo o seu costume, e levantou-se para ler.17Foi-lhe dado o livro do profeta Isaías. Desenrolando o livro, escolheu a passagem onde está escrito (61,1s.):18O Espírito do Senhor está sobre mim, porque me ungiu; e enviou-me para anunciar a boa nova aos pobres, para sarar os contritos de coração,19para anunciar aos cativos a redenção, aos cegos a restauração da vista, para pôr em liberdade os cativos, para publicar o ano da graça do Senhor.20E enrolando o livro, deu-o ao ministro e sentou-se; todos quantos estavam na sinagoga tinham os olhos fixos nele.21Ele começou a dizer-lhes: Hoje se cumpriu este oráculo que vós acabais de ouvir.22Todos lhe davam testemunho e se admiravam das palavras de graça, que procediam da sua boca, e diziam: Não é este o filho de José?23Então lhes disse: Sem dúvida me citareis este provérbio: Médico, cura-te a ti mesmo; todas as maravilhas que fizeste em Cafarnaum, segundo ouvimos dizer, faze-o também aqui na tua pátria.24E acrescentou: Em verdade vos digo: nenhum profeta é bem aceito na sua pátria.25Em verdade vos digo: muitas viúvas havia em Israel, no tempo de Elias, quando se fechou o céu por três anos e meio e houve grande fome por toda a terra;26mas a nenhuma delas foi mandado Elias, senão a uma viúva em Sarepta, na Sidônia.27Igualmente havia muitos leprosos em Israel, no tempo do profeta Eliseu; mas nenhum deles foi limpo, senão o sírio Naamã.28A estas palavras, encheram-se todos de cólera na sinagoga.29Levantaram-se e lançaram-no fora da cidade; e conduziram-no até o alto do monte sobre o qual estava construída a sua cidade, e queriam precipitá-lo dali abaixo.30Ele, porém, passou por entre eles e retirou-se. – Palavra da Salvação.
4
  • 3ª-feira da 22ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    04/09/2018

    Primeria Leitura – 1Cor 2,10b-16

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos: 10Todavia, Deus no-las revelou pelo seu Espírito, porque o Espírito penetra tudo, mesmo as profundezas de Deus.11Pois quem conhece as coisas que há no homem, senão o espírito do homem que nele reside? Assim também as coisas de Deus ninguém as conhece, senão o Espírito de Deus.12Ora, nós não recebemos o espírito do mundo, mas sim o Espírito que vem de Deus, que nos dá a conhecer as graças que Deus nos prodigalizou13e que pregamos numa linguagem que nos foi ensinada não pela sabedoria humana, mas pelo Espírito, que exprime as coisas espirituais em termos espirituais.14Mas o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, pois para ele são loucuras. Nem as pode compreender, porque é pelo Espírito que se devem ponderar.15O homem espiritual, ao contrário, julga todas as coisas e não é julgado por ninguém.16Por que quem conheceu o pensamento do Senhor, se abalançará a instruí-lo (Is 40,13)? Nós, porém, temos o pensamento de Cristo. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 144,8-9. 10-11. 12-13ab. 13cd-14 (R. 17a)

    R. É justo o Senhor em seus caminhos.
    Misericórdia e piedade é o Senhor, ele é amor, é paciência, é compaixão. 9 O Senhor é muito bom para com todos, sua ternura abraça toda criatura. R.

    10 Que vossas obras, ó Senhor, vos glorifiquem, e os vossos santos com louvores vos bendigam! 11 Narrem a glória e o esplendor do vosso reino e saibam proclamar vosso poder! R.

    12 Para espalhar vossos prodígios entre os homens e o fulgor de vosso reino esplendoroso.
    13a O vosso reino é um reino para sempre, 13b vosso poder, de geração em geração. R.

    13c O Senhor é amor fiel em sua palavra, 13d é santidade em toda obra que ele faz. 14 Ele sustenta todo aquele que vacila e levanta todo aquele que tombou. R. 

    Evangelho – Lc 4,31-37

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas  – Naquele tempo: 31Desceu a Cafarnaum, cidade da Galiléia, e ali ensinava-os aos sábados.32Maravilharam-se da sua doutrina, porque ele ensinava com autoridade.33Estava na sinagoga um homem que tinha um demônio imundo, e exclamou em alta voz:34Deixa-nos! Que temos nós contigo, Jesus de Nazaré? Vieste para nos perder? Sei quem és: o Santo de Deus!35Mas Jesus replicou severamente: Cala-te e sai deste homem. O demônio lançou-o por terra no meio de todos e saiu dele, sem lhe fazer mal algum.36Todos ficaram cheios de pavor e falavam uns com os outros: Que significa isso? Manda com poder e autoridade aos espíritos imundos, e eles saem?37E corria a sua fama por todos os lugares da circunvizinhança. – Palavra da Salvação.

5
  • 4ª-feira da 22ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    05/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 3,1-9

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – 1A vós, irmãos, não vos pude falar como a homens espirituais, mas como a carnais, como a criancinhas em Cristo.2Eu vos dei leite a beber, e não alimento sólido que ainda não podíeis suportar. Nem ainda agora o podeis, porque ainda sois carnais.3Com efeito, enquanto houver entre vós ciúmes e contendas, não será porque sois carnais e procedeis de um modo totalmente humano?4Quando, entre vós, um diz: Eu sou de Paulo, e outro: Eu, de Apolo, não é isto modo de pensar totalmente humano?5Pois que é Apolo? E que é Paulo? Simples servos, por cujo intermédio abraçastes a fé, e isto conforme a medida que o Senhor repartiu a cada um deles:6eu plantei, Apolo regou, mas Deus é quem fez crescer.7Assim, nem o que planta é alguma coisa nem o que rega, mas só Deus, que faz crescer.8O que planta ou o que rega são iguais; cada um receberá a sua recompensa, segundo o seu trabalho.9Nós somos operários com Deus. Vós, o campo de Deus, o edifício de Deus. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 32,12-13. 14-15. 20-21 (R. 12b)

    R. Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança!
    12 Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, e a nação que escolheu por sua herança! 13 Dos altos céus o Senhor olha e observa; ele se inclina para olhar todos os homens. R.

    14 Ele contempla do lugar onde reside e vê a todos os que habitam sobre a terra. 15 Ele formou o coração de cada um e por todos os seus atos se interessa. R.

    20 No Senhor nós esperamos confiantes, porque ele é nosso auxílio e proteção! 21 Por isso o nosso coração se alegra nele, seu santo nome é nossa única esperança. R.

    Evangelho – Lc 4,38-44

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas – Naquele tempo: 38Saindo Jesus da sinagoga, entrou na casa de Simão. A sogra de Simão estava com febre alta; e pediram-lhe por ela.39Inclinando-se sobre ela, ordenou ele à febre, e a febre deixou-a. Ela levantou-se imediatamente e pôs-se a servi-los.40Depois do pôr-do-sol, todos os que tinham enfermos de diversas moléstias lhos traziam. Impondo-lhes a mão, os sarava.41De muitos saíam os demônios, aos gritos, dizendo: Tu és o Filho de Deus. Mas ele repreendia-os severamente, não lhes permitindo falar, porque sabiam que ele era o Cristo.42Ao amanhecer, ele saiu e retirou-se para um lugar afastado. As multidões o procuravam e foram até onde ele estava e queriam detê-lo, para que não as deixasse.43Mas ele disse-lhes: É necessário que eu anuncie a boa nova do Reino de Deus também às outras cidades, pois essa é a minha missão.44E andava pregando nas sinagogas da Galiléia. – Palavra da Salvação.

6
  • 5ª-feira da 22ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    06/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 3,18-23

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos: 18Ninguém se engane a si mesmo. Se alguém dentre vós se julga sábio à maneira deste mundo, faça-se louco para tornar-se sábio,19porque a sabedoria deste mundo é loucura diante de Deus; pois (diz a Escritura) ele apanhará os sábios na sua própria astúcia (Jó 5,13).20E em outro lugar: O Senhor conhece os pensamentos dos sábios, e ele sabe que são vãos (Sl 93,11).21Portanto, ninguém ponha sua glória nos homens. Tudo é vosso:22Paulo, Apolo, Cefas, o mundo, a vida, a morte, o presente e o futuro. Tudo é vosso!23Mas vós sois de Cristo, e Cristo é de Deus. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 23,1-2. 3-4ab. 5-6 (R. 1)

    R. Ao Senhor pertence a terra e o que ela encerra.
    Ao Senhor pertence a terra e o que ela encerra, o mundo inteiro com os seres que o povoam; 2 porque ele a tornou firme sobre os mares, e sobre as águas a mantém inabalável. R.

    ‘Quem subirá até o monte do Senhor, quem ficará em sua santa habitação?’ 4a ‘Quem tem mãos puras e inocente coração, 4b quem não dirige sua mente para o crime. R.

    Sobre este desce a bênção do Senhor e a recompensa de seu Deus e Salvador’. 6 ‘É assim a geração dos que o procuram, e do Deus de Israel buscam a face’. R. 

    Evangelho – Lc 5,1-11

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – 1Estando Jesus um dia à margem do lago de Genesaré, o povo se comprimia em redor dele para ouvir a palavra de Deus.2Vendo duas barcas estacionadas à beira do lago, – pois os pescadores haviam descido delas para consertar as redes -,3subiu a uma das barcas que era de Simão e pediu-lhe que a afastasse um pouco da terra; e sentado, ensinava da barca o povo.4Quando acabou de falar, disse a Simão: Faze-te ao largo, e lançai as vossas redes para pescar.5Simão respondeu-lhe: Mestre, trabalhamos a noite inteira e nada apanhamos; mas por causa de tua palavra, lançarei a rede.6Feito isto, apanharam peixes em tanta quantidade, que a rede se lhes rompia.7Acenaram aos companheiros, que estavam na outra barca, para que viessem ajudar. Eles vieram e encheram ambas as barcas, de modo que quase iam ao fundo.8Vendo isso, Simão Pedro caiu aos pés de Jesus e exclamou: Retira-te de mim, Senhor, porque sou um homem pecador.9É que tanto ele como seus companheiros estavam assombrados por causa da pesca que haviam feito.10O mesmo acontecera a Tiago e João, filhos de Zebedeu, que eram seus companheiros. Então Jesus disse a Simão: Não temas; doravante serás pescador de homens.11E atracando as barcas à terra, deixaram tudo e o seguiram. – Palavra da Salvação.

7
8
  • Natividade de Nossa Senhora. Festa
    Dia Todo
    08/09/2018

    Primeira Leitura – Mq 5,1-4a

    Leitura da Profecia de Miquéias – Assim diz o Senhor: 1Mas tu, Belém-Efrata, tão pequena entre os clãs de Judá, é de ti que sairá para mim aquele que é chamado a governar Israel. Suas origens remontam aos tempos antigos, aos dias do longínquo passado.2Por isso, (Deus) os deixará, até o tempo em que der à luz aquela que há de dar à luz. Então o resto de seus irmãos voltará para junto dos filhos de Israel.3Ele se levantará para (os) apascentar, com o poder do Senhor, com a majestade do nome do Senhor, seu Deus. Os seus viverão em segurança, porque ele será exaltado até os confins da terra.4E assim será a paz. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 70(71),6; Sl 12(13),6 (R. Is 61,10)

    R. Exulto de alegria no Senhor.
    70,6 Sois meu apoio desde antes que eu nascesse, desde o seio maternal, o meu amparo:
    para vós o meu louvor eternamente! R.

    12,6 uma vez que confiei no vosso amor, meu coração, por vosso auxílio, rejubile, e que eu vos cante pelo bem que me fizestes! R.

    Evangelho – Mt 1,1-16.18-23

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus – 1Genealogia de Jesus Cristo, filho de Davi, filho de Abraão.2Abraão gerou Isaac. Isaac gerou Jacó. Jacó gerou Judá e seus irmãos.3Judá gerou, de Tamar, Farés e Zara. Farés gerou Esron. Esron gerou Arão.4Arão gerou Aminadab. Aminadab gerou Naasson. Naasson gerou Salmon.5Salmon gerou Booz, de Raab. Booz gerou Obed, de Rute. Obed gerou Jessé. Jessé gerou o rei Davi.6O rei Davi gerou Salomão, daquela que fora mulher de Urias.7Salomão gerou Roboão. Roboão gerou Abias. Abias gerou Asa.8Asa gerou Josafá. Josafá gerou Jorão. Jorão gerou Ozias.9Ozias gerou Joatão. Joatão gerou Acaz. Acaz gerou Ezequias.10Ezequias gerou Manassés. Manassés gerou Amon. Amon gerou Josias.11Josias gerou Jeconias e seus irmãos, no cativeiro de Babilônia.12E, depois do cativeiro de Babilônia, Jeconias gerou Salatiel. Salatiel gerou Zorobabel.13Zorobabel gerou Abiud. Abiud gerou Eliacim. Eliacim gerou Azor.14Azor gerou Sadoc. Sadoc gerou Aquim. Aquim gerou Eliud.15Eliud gerou Eleazar. Eleazar gerou Matã. Matã gerou Jacó.16Jacó gerou José, esposo de Maria, da qual nasceu Jesus, que é chamado Cristo. 18Eis como nasceu Jesus Cristo: Maria, sua mãe, estava desposada com José. Antes de coabitarem, aconteceu que ela concebeu por virtude do Espírito Santo.19José, seu esposo, que era homem de bem, não querendo difamá-la, resolveu rejeitá-la secretamente.20Enquanto assim pensava, eis que um anjo do Senhor lhe apareceu em sonhos e lhe disse: José, filho de Davi, não temas receber Maria por esposa, pois o que nela foi concebido vem do Espírito Santo.21Ela dará à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo de seus pecados.22Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que o Senhor falou pelo profeta:23Eis que a Virgem conceberá e dará à luz um filho, que se chamará Emanuel (Is 7, 14), que significa: Deus conosco. – Palavra da Salvação.

9
  • 23º Domingo do Tempo Comum
    Dia Todo
    09/09/2018

    Primeiro Leitura – Is 35,4-7ª

    Leitura do Livro do Profeta Isaías – 4Dizei àqueles que têm o coração perturbado: Tomai ânimo, não temais! Eis o vosso Deus! Ele vem executar a vingança. Eis que chega a retribuição de Deus: ele mesmo vem salvar-vos.5Então se abrirão os olhos do cego. E se desimpedirão os ouvidos dos surdos;6então o coxo saltará como um cervo, e a língua do mudo dará gritos alegres. Porque águas jorrarão no deserto e torrentes, na estepe.7A terra queimada se converterá num lago, e a região da sede, em fontes. No covil dos chacais crescerão caniços e papiros. – Palavra do Senhor.

     

    Salmo – Sl 145,7.8-9a.9bc-10 (R.1.2a)

    R.Bendize, ó minha alma ao Senhor. Bendirei ao Senhor toda a vida!
    O Senhor é fiel para sempre, faz justiça aos que são oprimidos; ele dá alimento aos famintos, é o Senhor quem liberta os cativos. R.

    O Senhor abre os olhos aos cegos o Senhor faz erguer-se o caído; o Senhor ama aquele que é justo 9a É o Senhor quem protege o estrangeiro. R.

    9bc Ele ampara a viúva e o órfão mas confunde os caminhos dos maus. 10 O Senhor reinará para sempre! Ó Sião, o teu Deus reinará para sempre e por todos os séculos!R.

    Segunda Leitura – Tg 2,1-5

    Leitura da Carta de São Tiago – 1Meus irmãos, na vossa fé em nosso glorioso Senhor Jesus Cristo, guardai-vos de toda consideração de pessoas.2Suponde que entre na vossa reunião um homem com anel de ouro e ricos trajes, e entre também um pobre com trajes gastos;3se atenderdes ao que está magnificamente trajado, e lhe disserdes: Senta-te aqui, neste lugar de honra, e disserdes ao pobre: Fica ali de pé, ou: Senta-te aqui junto ao estrado dos meus pés,4não é verdade que fazeis distinção entre vós, e que sois juízes de pensamentos iníquos?5Ouvi, meus caríssimos irmãos: porventura não escolheu Deus os pobres deste mundo para que fossem ricos na fé e herdeiros do Reino prometido por Deus aos que o amam? – Palavra do Senhor.

     

    Evangelho – Mc 7,31-37

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos – Naquele tempo: 31Ele deixou de novo as fronteiras de Tiro e foi por Sidônia ao mar da Galiléia, no meio do território da Decápole.32Ora, apresentaram-lhe um surdo-mudo, rogando-lhe que lhe impusesse a mão.33Jesus tomou-o à parte dentre o povo, pôs-lhe os dedos nos ouvidos e tocou-lhe a língua com saliva.34E levantou os olhos ao céu, deu um suspiro e disse-lhe: Éfeta!, que quer dizer abre-te!35No mesmo instante os ouvidos se lhe abriram, a prisão da língua se lhe desfez e ele falava perfeitamente.36Proibiu-lhes que o dissessem a alguém. Mas quanto mais lhes proibia, tanto mais o publicavam.37E tanto mais se admiravam, dizendo: Ele fez bem todas as coisas. Fez ouvir os surdos e falar os mudos! – Palavra da Salvação.

10
  • 2ª-feira da 23ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    10/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 5,1-8

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos: 1Ouve-se dizer constantemente que se comete, em vosso meio, a luxúria, e uma luxúria tão grave que não se costuma encontrar nem mesmo entre os pagãos: há entre vós quem vive com a mulher de seu pai!…2E continuais cheios de orgulho, em vez de manifestardes tristeza, para que seja tirado dentre vós o que cometeu tal ação!3Pois eu, em verdade, ainda que distante corporalmente, mas presente em espírito, já julguei, como se estivesse presente, aquele que assim se comportou.4Em nome do Senhor Jesus -, reunidos vós e o meu espírito, com o poder de nosso Senhor Jesus -,5seja esse homem entregue a Satanás, para mortificação do seu corpo, a fim de que a sua alma seja salva no dia do Senhor Jesus.6Não é nada belo o motivo da vossa jactância! Não sabeis que um pouco de fermento leveda a massa toda?7Purificai-vos do velho fermento, para que sejais massa nova, porque sois pães ázimos, porquanto Cristo, nossa Páscoa, foi imolado.8Celebremos, pois, a festa, não com o fermento velho nem com o fermento da malícia e da corrupção, mas com os pães não fermentados de pureza e de verdade. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 5,5-6. 7. 12 (R. 9a)

    R. Na vossa justiça guiai-me Senhor!
    Não sois um Deus a quem agrade a iniqüidade, não pode o mau morar convosco;
    6nem os ímpios poderão permanecer perante os vossos olhos. R.

    Detestais o que pratica a iniqüidade e destruís o mentiroso. Ó Senhor, abominais o sanguinário, o perverso e enganador. R.

    12 Mas exulte de alegria todo aquele que em vós se refugia; sob a vossa proteção se regozijem, os que amam vosso nome! R.

    Evangelho – Lc 6,6-11

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas – Aconteceu num dia de sábado que, 6Em outro dia de sábado, Jesus entrou na sinagoga e ensinava. Achava-se ali um homem que tinha a mão direita seca.7Ora, os escribas e os fariseus observavam Jesus para ver se ele curaria no dia de sábado. Eles teriam então pretexto para acusá-lo.8Mas Jesus conhecia os pensamentos deles e disse ao homem que tinha a mão seca: Levanta-te e põe-te em pé, aqui no meio. Ele se levantou e ficou em pé.9Disse-lhes Jesus: Pergunto-vos se no sábado é permitido fazer o bem ou o mal; salvar a vida, ou deixá-la perecer.10E relanceando os olhos sobre todos, disse ao homem: Estende tua mão. Ele a estendeu, e foi-lhe restabelecida a mão.11Mas eles encheram-se de furor e indagavam uns aos outros o que fariam a Jesus. – Palavra da Salvação.

11
  • 3ª-feira da 23ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    11/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 6,1-11

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos: 1Quando algum de vós tem litígio contra outro, como é que se atreve a pedir justiça perante os injustos, em vez de recorrer aos (irmãos) santos?2Não sabeis que os santos julgarão o mundo? E, se o mundo há de ser julgado por vós, seríeis indignos de julgar os processos de mínima importância?3Não sabeis que julgaremos os anjos? Quanto mais as pequenas questões desta vida!4No entanto, quando tendes contendas desse gênero, escolheis para juízes pessoas cuja opinião é tida em nada pela Igreja.5Digo-o para confusão vossa. Será possível que não há entre vós um homem sábio, nem um sequer que possa julgar entre seus irmãos?6Mas um irmão litiga com outro irmão, e isso diante de infiéis!7Na verdade, já é um mal para vós o fato de terdes processos uns contra os outros. Por que não preferis sofrer injustiça? Por que não preferis ser espoliados?8Não! Vós é que fazeis injustiça, vós é que espoliais – e isso entre irmãos!9Acaso não sabeis que os injustos não hão de possuir o Reino de Deus? Não vos enganeis: nem os impuros, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os devassos,10nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os difamadores, nem os assaltantes hão de possuir o Reino de Deus.11Ao menos alguns de vós têm sido isso. Mas fostes lavados, mas fostes santificados, mas fostes justificados, em nome do Senhor Jesus Cristo e pelo Espírito de nosso Deus. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 149, 1-2. 3-4. 5-6a.9b (R.4a)

    R. O Senhor ama seu povo de verdade.
    Cantai ao Senhor Deus um canto novo, e o seu louvor na assembléia dos fiéis! 2 Alegre-se Israel em Quem o fez, e Sião se rejubile no seu Rei! R.

    Com danças glorifiquem o seu nome, toquem harpa e tambor em sua honra! 4 Porque, de fato, o Senhor ama seu povo e coroa com vitória os seus humildes. R.

    Exultem os fiéis por sua glória, e cantando se levantem de seus leitos, 6a com louvores do Senhor em sua boca 9b Eis a glória para todos os seus santos. R. 

    Evangelho – Lc 6,12-19

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas – 12Naqueles dias, Jesus retirou-se a uma montanha para rezar, e passou aí toda a noite orando a Deus.13Ao amanhecer, chamou os seus discípulos e escolheu doze dentre eles que chamou de apóstolos:14Simão, a quem deu o sobrenome de Pedro; André, seu irmão; Tiago, João, Filipe, Bartolomeu,15Mateus, Tomé, Tiago, filho de Alfeu; Simão, chamado Zelador;16Judas, irmão de Tiago; e Judas Iscariotes, aquele que foi o traidor.17Descendo com eles, parou numa planície. Aí se achava um grande número de seus discípulos e uma grande multidão de pessoas vindas da Judéia, de Jerusalém, da região marítima, de Tiro e Sidônia, que tinham vindo para ouvi-lo e ser curadas das suas enfermidades.18E os que eram atormentados dos espíritos imundos ficavam livres.19Todo o povo procurava tocá-lo, pois saía dele uma força que os curava a todos. – Palavra da Salvação.

12
13
  • São João Crisóstomo, Bíspo e Doutor. Memória.
    Dia Todo
    13/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 8,1b-7.11-13

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos: 1Quanto às carnes oferecidas aos ídolos, somos esclarecidos, possuímos todos a ciência… Porém, a ciência incha, a caridade constrói.2Se alguém pensa que sabe alguma coisa, ainda não conhece nada como convém conhecer.3Mas, se alguém ama a Deus, esse é conhecido por ele.4Assim, pois, quanto ao comer das carnes imoladas aos ídolos, sabemos que não existem realmente ídolos no mundo e que não há outro Deus, senão um só.5Pretende-se, é verdade, que existam outros deuses, quer no céu quer na terra (e há um bom número desses deuses e senhores).6Mas, para nós, há um só Deus, o Pai, do qual procedem todas as coisas e para o qual existimos, e um só Senhor, Jesus Cristo, por quem todas as coisas existem e nós também.7Todavia, nem todos têm esse conhecimento. Alguns, habituados ao modo antigo de considerar o ídolo, comem a carne como sacrificada ao ídolo; e sua consciência, por ser débil, se mancha. 11E assim por tua ciência vai se perder quem é fraco, um irmão, pelo qual Cristo morreu!12Assim, pecando vós contra os irmãos e ferindo sua débil consciência, pecais contra Cristo.13Pelo que, se a comida serve de ocasião de queda a meu irmão, jamais comerei carne, a fim de que eu não me torne ocasião de queda para o meu irmão. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 138(139),1-3. 13-14ab-23-24 (R.24b)

    R. Conduzi-me no caminho para a vida, ó Senhor!
    Senhor, vós me sondais e conheceis, sabeis quando me sento ou me levanto; de longe penetrais meus pensamentos, percebeis quando me deito e quando eu ando, os meus caminhos vos são todos conhecidos. R.

    13 Fostes vós que me formastes as entranhas, e no seio de minha mãe vós me tecestes. 14a Eu vos louvo e vos dou graças, ó Senhor, porque de modo admirável me formastes! 14b Que prodígio e maravilha as vossas obras! R.

    23 Senhor, sondai-me, conhecei meu coração, examinai-me e provai meus pensamentos! 24 Vede bem se não estou no mau caminho, e conduzi-me no caminho para a vida! R.

    Evangelho – Lc 6,27-38

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 27Digo-vos a vós que me ouvis: amai os vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam,28abençoai os que vos maldizem e orai pelos que vos injuriam.29Ao que te ferir numa face, oferece-lhe também a outra. E ao que te tirar a capa, não impeças de levar também a túnica.30Dá a todo o que te pedir; e ao que tomar o que é teu, não lho reclames.31O que quereis que os homens vos façam, fazei-o também a eles.32Se amais os que vos amam, que recompensa mereceis? Também os pecadores amam aqueles que os amam.33E se fazeis bem aos que vos fazem bem, que recompensa mereceis? Pois o mesmo fazem também os pecadores.34Se emprestais àqueles de quem esperais receber, que recompensa mereceis? Também os pecadores emprestam aos pecadores, para receberem outro tanto.35Pelo contrário, amai os vossos inimigos, fazei bem e emprestai, sem daí esperar nada. E grande será a vossa recompensa e sereis filhos do Altíssimo, porque ele é bom para com os ingratos e maus.36Sede misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso.37Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; perdoai, e sereis perdoados;38dai, e dar-se-vos-á. Colocar-vos-ão no regaço medida boa, cheia, recalcada e transbordante, porque, com a mesma medida com que medirdes, sereis medidos vós também. – Palavra da Salvação.

14
  • Exaltação da Santa Cruz. Festa
    Dia Todo
    14/09/2018

    Primeira Leitura – Nm 21,4b-9

    Leitura do Livro dos Números – Naqueles dias: 4Partiram do monte Hor na direção do mar Vermelho, para contornar a terra de Edom.5Mas o povo perdeu a coragem no caminho, e começou a murmurar contra Deus e contra Moisés: “Por que, diziam eles, nos tirastes do Egito, para morrermos no deserto onde não há pão nem água? Estamos enfastiados deste miserável alimento.”6Então o Senhor enviou contra o povo serpentes ardentes, que morderam e mataram muitos.7O povo veio a Moisés e disse-lhe: “Pecamos, murmurando contra o Senhor e contra ti. Roga ao Senhor que afaste de nós essas serpentes.” Moisés intercedeu pelo povo,8e o Senhor disse a Moisés: “Faze para ti uma serpente ardente e mete-a sobre um poste. Todo o que for mordido, olhando para ela, será salvo.”9Moisés fez, pois, uma serpente de bronze, e fixou-a sobre um poste. Se alguém era mordido por uma serpente e olhava para a serpente de bronze, conservava a vida. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 77(78),1-2.34-35.36-37.38 (R. cf. 7c)

    R. Das obras do Senhor, ó meu povo, não te esqueças!
    Escuta, ó meu povo, a minha Lei, ouve atento as palavras que eu te digo; abrirei a minha boca em parábolas, os mistérios do passado lembrarei. R.

    34 Quando os feria, eles então o procuravam, convertiam-se correndo para ele; 35 recordavam que o Senhor é sua rocha e que Deus, seu Redentor, é o Deus Altíssimo. R.

    36 Mas apenas o honravam com seus lábios e mentiam ao Senhor com suas línguas; 37 seus corações enganadores eram falsos e, infiéis, eles rompiam a Aliança. R.

    38 Mas o Senhor, sempre benigno e compassivo, não os matava e perdoava seu pecado;
    quantas vezes dominou a sua ira e não deu largas à vazão de seu furo R.

    Segunda Leitura – Fl 2,6-11

    Leitura da Carta de São Paulo aos Filipenses – 6Sendo ele de condição divina, não se prevaleceu de sua igualdade com Deus,7mas aniquilou-se a si mesmo, assumindo a condição de escravo e assemelhando-se aos homens.8E, sendo exteriormente reconhecido como homem, humilhou-se ainda mais, tornando-se obediente até a morte, e morte de cruz.9Por isso Deus o exaltou soberanamente e lhe outorgou o nome que está acima de todos os nomes,10para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho no céu, na terra e nos infernos.11E toda língua confesse, para a glória de Deus Pai, que Jesus Cristo é Senhor. – Palavra do Senhor.

    Evangelho – Jo 3,13-17

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João – Naquele tempo, disse Jesus a Nicodemos: 13Ninguém subiu ao céu senão aquele que desceu do céu, o Filho do Homem que está no céu.14Como Moisés levantou a serpente no deserto, assim deve ser levantado o Filho do Homem,15para que todo homem que nele crer tenha a vida eterna.16Com efeito, de tal modo Deus amou o mundo, que lhe deu seu Filho único, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna.17Pois Deus não enviou o Filho ao mundo para condená-lo, mas para que o mundo seja salvo por ele. – Palavra da Salvação.

15
  • Nossa Senhora das Dores. Memória
    Dia Todo
    15/09/2018

    Primeira Leitura – Hb 5,7-9

    Leitura da Carta aos Hebreus – 7Nos dias de sua vida mortal, dirigiu preces e súplicas, entre clamores e lágrimas, àquele que o podia salvar da morte, e foi atendido pela sua piedade.8Embora fosse Filho de Deus, aprendeu a obediência por meio dos sofrimentos que teve.9E uma vez chegado ao seu termo, tornou-se autor da salvação eterna para todos os que lhe obedecem – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 30(31),2-3a.3bc-4.5-6.15-16.20 (R. 17b)

    R. Salvai-me pela vossa compaixão, ó Senhor Deus!
    Senhor, eu ponho em vós minha esperança; que eu não fique envergonhado eternamente! 3a Porque sois justo, defendei-me e libertai-me apressai-vos, ó Senhor, em socorrer-me! R.

    3b Sede uma rocha protetora para mim, 3c um abrigo bem seguro que me salve! Sim, sois vós a minha rocha e fortaleza; por vossa honra orientai-me e conduzi-me! R.

    Retirai-me desta rede traiçoeira, porque sois o meu refúgio protetor! Em vossas mãos, Senhor, entrego o meu espírito, porque vós me salvareis, ó Deus fiel! R.

    15 A vós, porém, ó meu Senhor, eu me confio, e afirmo que só vós sois o meu Deus! 16 Eu entrego em vossas mãos o meu destino; libertai-me do inimigo e do opressor! R.

    20 Como é grande, ó Senhor, vossa bondade, que reservastes para aqueles que vos temem! Para aqueles que em vós se refugiam, mostrando, assim, o vosso amor perante os homens. R.

    Evangelho – Jo 19,25-27

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João – Naquele tempo: 25Junto à cruz de Jesus estavam de pé sua mãe, a irmã de sua mãe, Maria, mulher de Cléofas, e Maria Madalena.26Quando Jesus viu sua mãe e perto dela o discípulo que amava, disse à sua mãe: Mulher, eis aí teu filho.27Depois disse ao discípulo: Eis aí tua mãe. E dessa hora em diante o discípulo a levou para a sua casa. – Palavra da Salvação.

16
  • 24º Domingo do Tempo Comum
    Dia Todo
    16/09/2018

    Primeira Leitura – Is 50,5-9a

    Leitura do Livro do Profeta Isaías – 5(o Senhor Deus abriu-me o ouvido) e eu não relutei, não me esquivei.6Aos que me feriam, apresentei as espáduas, e as faces àqueles que me arrancavam a barba; não desviei o rosto dos ultrajes e dos escarros.7Mas o Senhor Deus vem em meu auxílio: eis por que não me senti desonrado; enrijeci meu rosto como uma pedra, convicto de não ser desapontado.8Aquele que me fará justiça aí está. Quem ousará atacar-me? Vamos medir-nos! Quem será meu adversário? Que se apresente!9aO Senhor Deus vem em meu auxílio: quem ousaria condenar-me? – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 114,1-2.3-4.5-6.8-9 (R. 9)

    R. Andarei na presença de Deus, junto a ele, na terra dos vivos.
    Eu amo o Senhor, porque ouve o grito da minha oração. Inclinou para mim seu ouvido, no dia em que eu o invoquei. R.

    Prendiam-me as cordas da morte, apertavam-me os laços do abismo; invadiam-me angústia e tristeza: eu então invoquei o Senhor ‘Salvai, ó Senhor, minha vida!’ R.

    O Senhor é justiça e bondade, nosso Deus é amor-compaixão. É o Senhor quem defende os humildes: eu estava oprimido, e salvou-me. R.

    Libertou minha vida da morte, enxugou de meus olhos o pranto e livrou os meus pés do tropeço. Andarei na presença de Deus, junto a ele na terra dos vivos. R.

    Segunda Leitura – Tg 2,14-18

    Leitura da Carta de São Tiago – 14De que aproveitará, irmãos, a alguém dizer que tem fé, se não tiver obras? Acaso esta fé poderá salvá-lo?15Se a um irmão ou a uma irmã faltarem roupas e o alimento cotidiano,16e algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquecei-vos e fartai-vos, mas não lhes der o necessário para o corpo, de que lhes aproveitará?17Assim também a fé: se não tiver obras, é morta em si mesma.18Mas alguém dirá: Tu tens fé, e eu tenho obras. Mostra-me a tua fé sem obras e eu te mostrarei a minha fé pelas minhas obras. – Palavra do Senhor.

     

    Evangelho – Mc 8,27-35

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos – Naquele tempo: 27Jesus saiu com os seus discípulos para as aldeias de Cesaréia de Filipe, e pelo caminho perguntou-lhes: Quem dizem os homens que eu sou?28Responderam-lhe os discípulos: João Batista; outros, Elias; outros, um dos profetas.29Então perguntou-lhes Jesus: E vós, quem dizeis que eu sou? Respondeu Pedro: Tu és o Cristo.30E ordenou-lhes severamente que a ninguém dissessem nada a respeito dele.31E começou a ensinar-lhes que era necessário que o Filho do homem padecesse muito, fosse rejeitado pelos anciãos, pelos sumos sacerdotes e pelos escribas, e fosse morto, mas ressuscitasse depois de três dias.32E falava-lhes abertamente dessas coisas. Pedro, tomando-o à parte, começou a repreendê-lo.33Mas, voltando-se ele, olhou para os seus discípulos e repreendeu a Pedro: Afasta-te de mim, Satanás, porque teus sentimentos não são os de Deus, mas os dos homens.34Em seguida, convocando a multidão juntamente com os seus discípulos, disse-lhes: Se alguém me quer seguir, renuncie-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.35Porque o que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á; mas o que perder a sua vida por amor de mim e do Evangelho, salvá-la-á. – Palavra da Salvação.

17
  • 2ª-feira da 24ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    17/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 11,17-26.33

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos: 17Fazendo-vos essas advertências, não vos posso louvar a respeito de vossas assembléias que causam mais prejuízo que proveito.18Em primeiro lugar, ouço dizer que, quando se reúne a vossa assembléia, há desarmonias entre vós. (E em parte eu acredito.19É necessário que entre vós haja partidos para que possam manifestar-se os que são realmente virtuosos.)20Desse modo, quando vos reunis, já não é para comer a ceia do Senhor,21porquanto, mal vos pondes à mesa, cada um se apressa a tomar sua própria refeição; e enquanto uns têm fome, outros se fartam.22Porventura não tendes casa onde comer e beber? Ou menosprezais a Igreja de Deus, e quereis envergonhar aqueles que nada têm? Que vos direi? Devo louvar-vos? Não! Nisto não vos louvo…23Eu recebi do Senhor o que vos transmiti: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão24e, depois de ter dado graças, partiu-o e disse: Isto é o meu corpo, que é entregue por vós; fazei isto em memória de mim.25Do mesmo modo, depois de haver ceado, tomou também o cálice, dizendo: Este cálice é a Nova Aliança no meu sangue; todas as vezes que o beberdes, fazei-o em memória de mim.26Assim, todas as vezes que comeis desse pão e bebeis desse cálice lembrais a morte do Senhor, até que venha. 33Portanto, irmãos meus, quando vos reunis para a ceia, esperai uns pelos outros.34Se alguém tem fome, coma em casa. Assim vossas reuniões não vos atrairão a condenação. As demais coisas eu determinarei quando for ter convosco. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 39 (40),7-8a. 8b-9. 10. 17 (R. 1Cor 11,26b)

    R. Irmãos, anunciai a morte do Senhor, até que ele venha!
    Sacrifício e oblação não quisestes, mas abristes, Senhor, meus ouvidos; não pedistes ofertas nem vítimas, holocaustos por nossos pecados, 8a E então eu vos disse: ‘Eis que venho!’ R.

    8b Sobre mim está escrito no livro: ‘Com prazer faço a vossa vontade, guardo em meu coração vossa lei!’ R.

    10 Boas-novas de vossa justiça anunciei numa grande assembléia; vós sabeis: não fechei os meus lábios! R.

    17 Mas se alegre e em vós rejubile todo ser que vos busca, Senhor! Digam sempre: ‘É grande o Senhor!’ os que buscam em vós seu auxílio. R. 

    Evangelho – Lc 7,1-10

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – Naquele tempo: 1Tendo Jesus concluído todos os seus discursos ao povo que o escutava, entrou em Cafarnaum.2Havia lá um centurião que tinha um servo a quem muito estimava e que estava à morte.3Tendo ouvido falar de Jesus, enviou-lhe alguns anciãos dos judeus, rogando-lhe que o viesse curar.4Aproximando-se eles de Jesus, rogavam-lhe encarecidamente: Ele bem merece que lhe faças este favor,5pois é amigo da nossa nação e foi ele mesmo quem nos edificou uma sinagoga.6Jesus então foi com eles. E já não estava longe da casa, quando o centurião lhe mandou dizer por amigos seus: Senhor, não te incomodes tanto assim, porque não sou digno de que entres em minha casa;7por isso nem me achei digno de chegar-me a ti, mas dize somente uma palavra e o meu servo será curado.8Pois também eu, simples subalterno, tenho soldados às minhas ordens; e digo a um: Vai ali! E ele vai; e a outro: Vem cá! E ele vem; e ao meu servo: Faze isto! E ele o faz.9Ouvindo estas palavras, Jesus ficou admirado. E, voltando-se para o povo que o ia seguindo, disse: Em verdade vos digo: nem mesmo em Israel encontrei tamanha fé.10Voltando para a casa do centurião os que haviam sido enviados, encontraram o servo curado. – Palavra da Salvação.

18
  • 3ª-feira da 24ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    18/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 12,12-14.27-31a

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos: 12Porque, como o corpo é um todo tendo muitos membros, e todos os membros do corpo, embora muitos, formam um só corpo, assim também é Cristo.13Em um só Espírito fomos batizados todos nós, para formar um só corpo, judeus ou gregos, escravos ou livres; e todos fomos impregnados do mesmo Espírito.14Assim o corpo não consiste em um só membro, mas em muitos. 27Ora, vós sois o corpo de Cristo e cada um, de sua parte, é um dos seus membros.28Na Igreja, Deus constituiu primeiramente os apóstolos, em segundo lugar os profetas, em terceiro lugar os doutores, depois os que têm o dom dos milagres, o dom de curar, de socorrer, de governar, de falar diversas línguas.29São todos apóstolos? São todos profetas? São todos doutores?30Fazem todos milagres? Têm todos a graça de curar? Falam todos em diversas línguas? Interpretam todos?31aAspirai aos dons superiores. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 99 (100),2. 3. 4. 5 (R. 3c)

    R. Nós somos o seu povo e seu rebanho.
    Aclamai o Senhor, ó terra inteira, servi ao Senhor com alegria, ide a ele cantando jubilosos! R.

    Sabei que o Senhor, só ele, é Deus, Ele mesmo nos fez, e somos seus, nós somos seu povo e seu rebanho. R.

    Entrai por suas portas dando graças, e em seus átrios com hinos de louvor; dai-lhe graças, seu nome bendizei! R.

    Sim, é bom o Senhor e nosso Deus, sua bondade perdura para sempre, seu amor é fiel eternamente! R.

    Evangelho – Lc 7,11-17

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas – Naquele tempo: 11No dia seguinte dirigiu-se Jesus a uma cidade chamada Naim. Iam com ele diversos discípulos e muito povo.12Ao chegar perto da porta da cidade, eis que levavam um defunto a ser sepultado, filho único de uma viúva; acompanhava-a muita gente da cidade.13Vendo-a o Senhor, movido de compaixão para com ela, disse-lhe: Não chores!14E aproximando-se, tocou no esquife, e os que o levavam pararam. Disse Jesus: Moço, eu te ordeno, levanta-te.15Sentou-se o que estivera morto e começou a falar, e Jesus entregou-o à sua mãe.16Apoderou-se de todos o temor, e glorificavam a Deus, dizendo: Um grande profeta surgiu entre nós: Deus voltou os olhos para o seu povo.17A notícia deste fato correu por toda a Judéia e por toda a circunvizinhança. – Palavra da Salvação.

19
  • 4ª-feira da 24ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    19/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 12,31-13,13

    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios – 31Aspirai aos dons superiores. E agora, ainda vou indicar-vos o caminho mais excelente de todos. 13,1Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver caridade, sou como o bronze que soa, ou como o címbalo que retine.2Mesmo que eu tivesse o dom da profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência; mesmo que tivesse toda a fé, a ponto de transportar montanhas, se não tiver caridade, não sou nada.3Ainda que distribuísse todos os meus bens em sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, se não tiver caridade, de nada valeria!4A caridade é paciente, a caridade é bondosa. Não tem inveja. A caridade não é orgulhosa. Não é arrogante.5Nem escandalosa. Não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não guarda rancor.6Não se alegra com a injustiça, mas se rejubila com a verdade.7Tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.8A caridade jamais acabará. As profecias desaparecerão, o dom das línguas cessará, o dom da ciência findará.9A nossa ciência é parcial, a nossa profecia é imperfeita.10Quando chegar o que é perfeito, o imperfeito desaparecerá.11Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança. Desde que me tornei homem, eliminei as coisas de criança.12Hoje vemos como por um espelho, confusamente; mas então veremos face a face. Hoje conheço em parte; mas então conhecerei totalmente, como eu sou conhecido.13Por ora subsistem a fé, a esperança e a caridade – as três. Porém, a maior delas é a caridade. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 32 (33),2-3. 4-5. 12.22 (12b)

    R. Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança!

    Dai graças ao Senhor ao som da harpa, na lira de dez cordas celebrai-o! 3 Cantai para o Senhor um canto novo, com arte sustentai a louvação! R.

    Pois reta é a palavra do Senhor, e tudo o que ele faz merece fé. 5 Deus ama o direito e a justiça, transborda em toda a terra a sua graça. R.

    12 Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, e a nação que escolheu por sua herança! 22 Sobre nós venha, Senhor, a vossa graça, da mesma forma que em vós nós esperamos! R. 

    Evangelho – Lc 7,31-35

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas – 31A quem compararei os homens desta geração? Com quem se assemelham?32São semelhantes a meninos que, sentados na praça, falam uns com os outros, dizendo: Tocamos a flauta e não dançastes; entoamos lamentações e não chorastes.33Pois veio João Batista, que nem comia pão nem bebia vinho, e dizeis: Ele está possuído do demônio.34Veio o Filho do Homem, que come e bebe, e dizeis: Eis um comilão e beberrão, amigo dos publicanos e libertinos.35Mas a sabedoria foi justificada por todos os seus filhos. – Palavra da Salvação.

20
  • Ss. André Kim Taegón, Presb., Paulo Chong Hasang e Comps., Mts., memória.
    Dia Todo
    20/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 15,1-11

    Leitura da primeira carta de são Paulo aos Coríntios – 1Irmãos, quero lembrar-vos o evangelho que vos preguei e que recebestes, e no qual estais firmes. 2Por ele sois salvos, se o estais guardando tal qual ele vos foi pregado por mim. De outro modo, teríeis abraçado a fé em vão. 3Com efeito, transmiti-vos, em primeiro lugar, aquilo que eu mesmo tinha recebido, a saber: que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras; 4que foi sepultado; que, ao terceiro dia, ressuscitou, segundo as Escrituras; 5e que apareceu a Cefas e, depois, aos doze. 6Mais tarde, apareceu a mais de quinhentos irmãos de uma vez. Destes, a maioria ainda vive e alguns já morreram. 7Depois, apareceu a Tiago e, depois, apareceu aos apóstolos todos juntos. 8Por último, apareceu também a mim, como a um abortivo. 9Na verdade, eu sou o menor dos apóstolos, nem mereço o nome de apóstolo, porque persegui a Igreja de Deus. 10É pela graça de Deus que eu sou o que sou. Sua graça para comigo não foi estéril: a prova é que tenho trabalhado mais do que os outros apóstolos – não propriamente eu, mas a graça de Deus comigo. 11É isso, em resumo, o que eu e eles temos pregado e é isso o que crestes. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 117 (118),1-2. 16ab-17. 28 (R. 1)

    R. Dai graças ao Senhor, porque ele é bom!
    Dai graças ao Senhor, porque ele é bom! “Eterna é a sua misericórdia!” A casa de Israel agora o diga: “Eterna é a sua misericórdia!” – R.
    “A mão direita do Senhor fez maravilhas, † a mão direita do Senhor me levantou, a mão direita do Senhor fez maravilhas!” Não morrerei, mas, ao contrário, viverei / para cantar as grandes obras do Senhor! – R.
    Vós sois meu Deus, eu vos bendigo e agradeço! Vós sois meu Deus, eu vos exalto com louvores! – R.

    Evangelho – Lc 7,36-50

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – Naquele tempo, 36um fariseu convidou Jesus para uma refeição em sua casa. Jesus entrou na casa do fariseu e pôs-se à mesa. 37Certa mulher, conhecida na cidade como pecadora, soube que Jesus estava à mesa na casa do fariseu. Ela trouxe um frasco de alabastro com perfume 38e, ficando por detrás, chorava aos pés de Jesus; com as lágrimas começou a banhar-lhe os pés, enxugava-os com os cabelos, cobria-os de beijos e os ungia com o perfume. 39Vendo isso, o fariseu que o havia convidado ficou pensando: “Se este homem fosse um profeta, saberia que tipo de mulher está tocando nele, pois é uma pecadora”. 40Jesus disse então ao fariseu: “Simão, tenho uma coisa para te dizer”. Simão respondeu: “Fala, mestre!” 41“Certo credor tinha dois devedores; um lhe devia quinhentas moedas de prata, o outro cinquenta. 42Como não tivessem com que pagar, o homem perdoou os dois. Qual deles o amará mais?” 43Simão respondeu: “Acho que é aquele ao qual perdoou mais”. Jesus lhe disse: “Tu julgaste corretamente”. 44Então, Jesus virou-se para a mulher e disse a Simão: “Estás vendo esta mulher? Quando entrei em tua casa, tu não me ofereceste água para lavar os pés; ela, porém, banhou meus pés com lágrimas e enxugou-os com os cabelos. 45Tu não me deste o beijo de saudação; ela, porém, desde que entrei, não parou de beijar meus pés. 46Tu não derramaste óleo na minha cabeça; ela, porém, ungiu meus pés com perfume. 47Por essa razão, eu te declaro: os muitos pecados que ela cometeu estão perdoados, porque ela mostrou muito amor. Aquele a quem se perdoa pouco mostra pouco amor”. 48E Jesus disse à mulher: “Teus pecados estão perdoados”. 49Então, os convidados começaram a pensar: “Quem é este que até perdoa pecados?” 50Mas Jesus disse à mulher: “Tua fé te salvou. Vai em paz!” – Palavra da salvação.

21
  • São Mateus, Apóstolo e Evangelista. Festa
    Dia Todo
    21/09/2018

    Primeira Leitura – Ef 4,1-7.11-13

    Leitura da carta de são Paulo aos Efésios – Irmãos, 1eu, prisioneiro no Senhor, vos exorto a caminhardes de acordo com a vocação que recebestes: 2com toda a humildade e mansidão, suportai-vos uns aos outros com paciência, no amor. 3Aplicai-vos a guardar a unidade do espírito pelo vínculo da paz. 4Há um só corpo e um só Espírito, como também é uma só a esperança à qual fostes chamados. 5Há um só Senhor, uma só fé, um só batismo, 6um só Deus e Pai de todos, que reina sobre todos, age por meio de todos e permanece em todos. 7Cada um de nós recebeu a graça na medida em que Cristo lha deu. 11E foi ele quem instituiu alguns como apóstolos, outros como profetas, outros ainda como evangelistas, outros, enfim, como pastores e mestres. 12Assim, ele capacitou os santos para o ministério, para edificar o corpo de Cristo, 13até que cheguemos todos juntos à unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, ao estado do homem perfeito e à estatura de Cristo em sua plenitude. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 18(19A),2-3.4-5 (R. 5a)

    R. Seu som ressoa e se espalha em toda a terra.
    Os céus proclamam a glória do Senhor, e o firmamento, a obra de suas mãos; o dia ao dia transmite essa mensagem, a noite à noite publica essa notícia. – R.
    Não são discursos nem frases ou palavras, nem são vozes que possam ser ouvidas; seu som ressoa e se espalha em toda a terra, chega aos confins do universo a sua voz. – R.

    Evangelho – Mt 9,9-13

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus – Naquele tempo, 9Jesus viu um homem, chamado Mateus, sentado na coletoria de impostos e disse-lhe: “Segue-me!” Ele se levantou e seguiu a Jesus. 10Enquanto Jesus estava à mesa, em casa de Mateus, vieram muitos cobradores de impostos e pecadores e sentaram-se à mesa com Jesus e seus discípulos. 11Alguns fariseus viram isso e perguntaram aos discípulos: “Por que vosso mestre come com os cobradores de impostos e pecadores?” 12Jesus ouviu a pergunta e respondeu: “Aqueles que têm saúde não precisam de médico, mas sim os doentes. 13Aprendei, pois, o que significa: ‘Quero misericórdia e não sacrifício’. De fato, eu não vim para chamar os justos, mas os pecadores”. – Palavra da salvação.

22
  • Sábado da 24ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    22/09/2018

    Primeira Leitura – 1Cor 15,35-37.42-49

    Leitura da primeira carta de são Paulo aos Coríntios – Irmãos, 35alguém perguntará: Como ressuscitam os mortos? 36Insensato! O que semeias não nasce sem antes morrer. 37E, quando semeias, não semeias o corpo da planta, que há de nascer, mas o simples grão, como o de trigo ou de alguma outra planta. 42Pois assim será também a ressurreição dos mortos. Semeia-se em corrupção e ressuscita-se em incorrupção. 43Semeia-se em ignomínia e ressuscita-se em glória. Semeia-se em fraqueza e ressuscita-se em vigor. 44Semeia-se um corpo animal e ressuscita-se um corpo espiritual. Se há um corpo animal, há também um espiritual. 45Por isso está escrito: o primeiro homem, Adão, “foi um ser vivo”. O segundo Adão é um espírito vivificante. 46Veio primeiro não o homem espiritual, mas o homem natural; depois é que veio o homem espiritual. 47O primeiro homem, tirado da terra, é terrestre; o segundo homem vem do céu. 48Como foi o homem terrestre, assim também são as pessoas terrestres; e como é o homem celeste, assim também vão ser as pessoas celestes. 49E como já refletimos a imagem do homem terrestre, assim também refletiremos a imagem do homem celeste. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 55 (56),10. 11-12. 13-14 (R. Cf. 14c)

    R. Na presença do Senhor, andarei na luz da vida.
    Meus inimigos haverão de recuar † em qualquer dia em que eu vos invocar; tenho certeza: o Senhor está comigo! – R.
    Confio em Deus e louvarei sua promessa; † é no Senhor que eu confio e nada temo: que poderia contra mim um ser mortal? – R.
    Devo cumprir, ó Deus, os votos que vos fiz e vos oferto um sacrifício de louvor, porque da morte arrancastes minha vida e não deixastes os meus pés escorregarem, para que eu ande na presença do Senhor, na presença do Senhor na luz da vida. – R.

    Evangelho – Lc 8,4-15

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – Naquele tempo, 4reuniu-se uma grande multidão, e de todas as cidades iam ter com Jesus. Então ele contou esta parábola: 5“O semeador saiu para semear a sua semente. Enquanto semeava, uma parte caiu à beira do caminho; foi pisada e os pássaros do céu a comeram. 6Outra parte caiu sobre pedras; brotou e secou, porque não havia umidade. 7Outra parte caiu no meio de espinhos; os espinhos cresceram junto e a sufocaram. 8Outra parte caiu em terra boa; brotou e deu fruto, cem por um”. Dizendo isso, Jesus exclamou: “Quem tem ouvidos para ouvir, ouça”. 9Os discípulos lhe perguntaram o significado dessa parábola. 10Jesus respondeu: “A vós foi dado conhecer os mistérios do reino de Deus. Mas, aos outros, só por meio de parábolas, para que, olhando, não vejam e, ouvindo, não compreendam. 11A parábola quer dizer o seguinte: a semente é a Palavra de Deus. 12Os que estão à beira do caminho são aqueles que ouviram, mas depois vem o diabo e tira a Palavra do coração deles, para que não acreditem e não se salvem. 13Os que estão sobre a pedra são aqueles que, ouvindo, acolhem a Palavra com alegria. Mas eles não têm raiz: por um momento acreditam, mas, na hora da tentação, voltam atrás. 14Aquilo que caiu entre os espinhos são os que ouvem, mas, com o passar do tempo, são sufocados pelas preocupações, pela riqueza e pelos prazeres da vida e não chegam a amadurecer. 15E o que caiu em terra boa são aqueles que, ouvindo com um coração bom e generoso, conservam a Palavra e dão fruto na perseverança”. – Palavra da salvação.

23
  • 25º Domingo do Tempo Comum
    Dia Todo
    23/09/2018

    Primeira Leitura – Sb 2,12.17-20

    Leitura do livro da Sabedoria – Os ímpios dizem: 12“Armemos ciladas ao justo, porque sua presença nos incomoda: ele se opõe ao nosso modo de agir, repreende em nós as transgressões da lei e nos reprova as faltas contra a nossa disciplina. 17Vejamos, pois, se é verdade o que ele diz e comprovemos o que vai acontecer com ele. 18Se, de fato, o justo é ‘filho de Deus’, Deus o defenderá e o livrará das mãos dos seus inimigos. 19Vamos pô-lo à prova com ofensas e torturas, para ver a sua serenidade e provar a sua paciência; 20vamos condená-lo a morte vergonhosa, porque, de acordo com suas palavras, virá alguém em seu socorro”. ­– Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 53,3-4.5.6.8 (R. 6b)

    R.É o Senhor quem sustenta minha vida!
    Por vosso nome, salvai-me, Senhor; e dai-me a vossa justiça! Ó meu Deus, atendei minha prece e escutai as palavras que eu digo! – R.
    Pois contra mim orgulhosos se insurgem, † e violentos perseguem-me a vida: não há lugar para Deus aos seus olhos. Quem me protege e me ampara é meu Deus; é o Senhor quem sustenta minha vida! ­– R.
    Quero ofertar-vos o meu sacrifício de coração e com muita alegria; quero louvar, ó Senhor, vosso nome, quero cantar vosso nome, que é bom! – R.

    Segunda Leitura – Tg 3,16-4,3

    Leitura da carta de são Tiago – Caríssimos, 16onde há inveja e rivalidade, aí estão as desordens e toda espécie de obras más. 17Por outra parte, a sabedoria que vem do alto é, antes de tudo, pura, depois pacífica, modesta, conciliadora, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade e sem fingimento. 18O fruto da justiça é semeado na paz, para aqueles que promovem a paz. 4,1De onde vêm as guerras? De onde vêm as brigas entre vós? Não vêm, justamente, das paixões que estão em conflito dentro de vós? 2Cobiçais, mas não conseguis ter. Matais e cultivais inveja, mas não conseguis êxito. Brigais e fazeis guerra, mas não conseguis possuir. E a razão está em que não pedis. 3Pedis, sim, mas não recebeis, porque pedis mal. Pois só quereis esbanjar o pedido nos vossos prazeres. – Palavra do Senhor.

    Evangelho – Mc 9,30-37

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos – Naquele tempo, 30Jesus e seus discípulos atravessavam a Galileia. Ele não queria que ninguém soubesse disso, 31pois estava ensinando a seus discípulos. E dizia-lhes: “O Filho do homem vai ser entregue nas mãos dos homens, e eles o matarão. Mas, três dias após sua morte, ele ressuscitará”. 32Os discípulos, porém, não compreendiam essas palavras e tinham medo de perguntar. 33Eles chegaram a Cafarnaum. Estando em casa, Jesus perguntou-lhes: “O que discutíeis pelo caminho?” 34Eles, porém, ficaram calados, pois pelo caminho tinham discutido quem era o maior. 35Jesus sentou-se, chamou os doze e lhes disse: “Se alguém quiser ser o primeiro, que seja o último de todos e aquele que serve a todos!” 36Em seguida, pegou uma criança, colocou-a no meio deles e, abraçando-a, disse: 37“Quem acolher em meu nome uma destas crianças é a mim que estará acolhendo. E quem me acolher está acolhendo não a mim, mas àquele que me enviou”. – Palavra da salvação.

24
  • 2ª-feira da 25ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    24/09/2018

    Primeira Leitura – Pr 3,27-34

    Leitura do livro dos Provérbios – Meu filho, 27não recuses um favor a quem dele necessita se tu podes fazê-lo. 28Não digas ao próximo: “Vai embora, volta amanhã, então te darei”, quando podes dar logo! 29Não trames o mal contra o próximo quando ele vive contigo cheio de confiança. 30Não abras processo contra alguém sem motivo, se não te fez mal algum! 31Não invejes o homem violento e não escolhas nenhum de seus caminhos, 32porque o Senhor detesta o perverso, mas reserva sua amizade aos íntegros. 33O Senhor amaldiçoa a casa do ímpio, mas abençoa a morada dos justos. 34Ele zomba dos zombadores, mas concede o seu favor aos humildes. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 14 (15),2-3ab. 3cd-4ab (R. 1b)

    R. O justo habitará no monte santo do Senhor.
    “Senhor, quem entrará em vossa casa?” † Aquele que caminha sem pecado e pratica a justiça fielmente; que pensa a verdade no seu íntimo e não solta em calúnias sua língua. – R.
    Que em nada prejudica o seu irmão nem cobre de insultos seu vizinho; que não dá valor algum ao homem ímpio, mas honra os que respeitam o Senhor. – R.
    Não empresta o seu dinheiro com usura † nem se deixa subornar contra o inocente. Jamais vacilará quem vive assim! – R.

    Evangelho – Lc 8,16-18

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – Naquele tempo, disse Jesus à multidão: 16“Ninguém acende uma lâmpada para cobri-la com uma vasilha ou colocá-la debaixo da cama; ao contrário, coloca-a no candeeiro, a fim de que todos os que entram vejam a luz. 17Com efeito, tudo o que está escondido deverá tornar-se manifesto; e tudo o que está em segredo deverá tornar-se conhecido e claramente manifesto. 18Portanto, prestai atenção à maneira como vós ouvis! Pois a quem tem alguma coisa será dado ainda mais; e àquele que não tem será tirado até mesmo o que ele pensa ter”. – Palavra da salvação.

25
  • 3ª-feira da 25ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    25/09/2018

    Primeira Leitura – Pr 21,1-6.10-13

    Leitura do livro dos Provérbios – 1O coração do rei nas mãos do Senhor é como água corrente; ele o dirige para onde quer. 2O homem pensa que o seu caminho é sempre reto, mas é o Senhor quem sonda os corações. 3Praticar a justiça e o direito é mais agradável ao Senhor do que os sacrifícios. 4Olhar arrogante e coração orgulhoso, a lâmpada dos malvados não é senão o pecado. 5Os projetos do homem aplicado produzem abundância, mas todos os apressados só alcançam indigência. 6Tesouros adquiridos com língua mentirosa são ilusão passageira dos que procuram a morte. 10A alma do malvado deseja o mal, ele olha sem piedade para o seu próximo. 11Quando se castiga o zombador, aprende o imbecil, e quando o sábio é instruído, ele adquire mais saber. 12O justo observa a casa do ímpio e leva os ímpios à desgraça. 13Quem tapa os ouvidos ao clamor do pobre também há de clamar, mas não será ouvido. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 118 (119),1. 27. 30. 34. 35. 44 (R. 35a)

    R. Guiai-me, Senhor, no caminho de vossos preceitos!
    Feliz o homem sem pecado em seu caminho,  que na lei do Senhor Deus vai progredindo! – R.
    Fazei-me conhecer vossos caminhos, e então meditarei vossos prodígios! – R.
    Escolhi seguir a trilha da verdade, diante de mim eu coloquei vossos preceitos. – R.
    Dai-me o saber, e cumprirei a vossa lei, e de todo o coração a guardarei. – R.

    Evangelho – Lc 8,19-21

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – Naquele tempo, 19a mãe e os irmãos de Jesus aproximaram-se, mas não podiam chegar perto dele por causa da multidão. 20Então anunciaram a Jesus: “Tua mãe e teus irmãos estão aí fora e querem te ver”. 21Jesus respondeu: “Minha mãe e meus irmãos são aqueles que ouvem a Palavra de Deus e a põem em prática”. – Palavra da salvação.

26
  • 4ª-feira da 25ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    26/09/2018

    Primeira Leitura – Pr 30,5-9

    Leitura do livro dos Provérbios – 5A Palavra de Deus é comprovada. Ele é um escudo para os que nele se abrigam. 6Não acrescentes nada às suas palavras, para que ele não te repreenda e passes por mentiroso! 7Duas coisas eu te pedi; não mas recuses, antes de eu morrer: 8afasta de mim a falsidade e a mentira, não me dês pobreza nem riqueza, mas concede-me o pão que me é necessário. 9Não aconteça que, saciado, eu te renegue e diga: “Quem é o Senhor?” Ou que, empobrecido, eu me ponha a roubar e profane o nome de meu Deus. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 118 (119),29. 72. 89. 101. 104. 163 (R. 105a)

    R. Vossa palavra é uma luz para os meus passos!
    Afastai-me do caminho da mentira e dai-me a vossa lei como um presente! – R.
    A lei de vossa boca, para mim, vale mais do que milhões em ouro e prata. – R.
    É eterna, ó Senhor, vossa palavra, ela é tão firme e estável como o céu. – R.
    De todo mau caminho afasto os passos, para que eu siga fielmente as vossas ordens. – R.
    De vossa lei eu recebi inteligência, por isso odeio os caminhos da mentira. – R.
    Eu odeio e detesto a falsidade, porém amo vossas leis e mandamentos! – R.

    Evangelho – Lc 9,1-6

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – Naquele tempo, 1Jesus convocou os doze, deu-lhes poder e autoridade sobre todos os demônios e para curar doenças 2e enviou-os a proclamar o reino de Deus e a curar os enfermos. 3E disse-lhes: “Não leveis nada para o caminho: nem cajado, nem sacola, nem pão, nem dinheiro, nem mesmo duas túnicas. 4Em qualquer casa onde entrardes, ficai aí; e daí é que partireis de novo. 5Todos aqueles que não vos acolherem, ao sairdes daquela cidade, sacudi a poeira dos vossos pés como protesto contra eles”. 6Os discípulos partiram e percorriam os povoados, anunciando a Boa-Nova e fazendo curas em todos os lugares. – Palavra da salvação.

27
  • São Vicente de Paulo, Pb. Memória.
    Dia Todo
    27/09/2018

    Primeira Leitura – Ecl 1,2-11

    Leitura do livro do Eclesiastes – 2“Vaidade das vaidades, diz o Eclesiastes, vaidade das vaidades! Tudo é vaidade.” 3Que proveito tira o homem de todo trabalho com o qual se afadiga debaixo do sol? 4Uma geração passa, outra lhe sucede, enquanto a terra permanece sempre a mesma. 5O sol se levanta, o sol se deita, apressando-se para voltar ao seu lugar, donde novamente torna a levantar-se. 6Dirigindo-se para o sul e voltando para o norte, ora para cá, ora para lá, vai soprando o vento, para retomar novamente o seu curso. 7Todos os rios correm para o mar e, contudo, o mar não transborda; voltam ao lugar de onde saíram para tornarem a correr. 8Tudo é penoso, difícil para o homem explicar. A vista não se cansa de ver nem o ouvido se farta de ouvir. 9O que foi, será; o que aconteceu, acontecerá: 10não há nada de novo debaixo do sol. Uma coisa da qual se diz: “Eis aqui algo de novo”, também esta já existiu nos séculos que nos precederam. 11Não há memória do que aconteceu no passado nem também haverá lembrança do que acontecer, entre aqueles que viverão depois. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 89 (90),3-4. 5-6. 12-13. 14 17 (R.1)

    R. Ó Senhor, vós fostes sempre um refúgio para nós.
    Vós fazeis voltar ao pó todo mortal quando dizeis: “Voltai ao pó, filhos de Adão!” Pois mil anos para vós são como ontem, qual vigília de uma noite que passou. – R.
    Eles passam como o sono da manhã, são iguais à erva verde pelos campos: de manhã ela floresce vicejante, mas à tarde é cortada e logo seca. – R.
    Ensinai-nos a contar os nossos dias e dai ao nosso coração sabedoria! Senhor, voltai-vos! Até quando tardareis? Tende piedade e compaixão de vossos servos! – R.
    Saciai-nos de manhã com vosso amor, e exultaremos de alegria todo o dia! Que a bondade do Senhor e nosso Deus † repouse sobre nós e nos conduza! Tornai fecundo, ó Senhor, nosso trabalho. – R.

    Evangelho – Lc 9,7-9

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – Naquele tempo, 7o tetrarca Herodes ouviu falar de tudo o que estava acontecendo e ficou perplexo, porque alguns diziam que João Batista tinha ressuscitado dos mortos. 8Outros diziam que Elias tinha aparecido; outros, ainda, que um dos antigos profetas tinha ressuscitado. 9Então Herodes disse: “Eu mandei degolar João. Quem é esse homem sobre quem ouço falar essas coisas?” E procurava ver Jesus. – Palavra da salvação.

28
  • 6ª-feira da 25ª Semana do Tempo Comum
    Dia Todo
    28/09/2018

    Primeira Leitura – Ecl 3,1-11

    Leitura do livro do Eclesiastes – 1Tudo tem seu tempo. Há um momento oportuno para tudo que acontece debaixo do céu. 2Tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de colher a planta. 3Tempo de matar e tempo de salvar; tempo de destruir e tempo de construir. 4Tempo de chorar e tempo de rir; tempo de lamentar e tempo de dançar. 5Tempo de atirar pedras e tempo de as amontoar; tempo de abraçar e tempo de se separar. 6Tempo de buscar e tempo de perder; tempo de guardar e tempo de esbanjar. 7Tempo de rasgar e tempo de costurar; tempo de calar e tempo de falar. 8Tempo de amar e tempo de odiar; tempo de guerra e tempo de paz. 9Que proveito tira o trabalhador de seu esforço? 10Observei a tarefa que Deus impôs aos homens, para que nela se ocupassem. 11As coisas que ele fez são todas boas no tempo oportuno. Além disso, ele dispôs que fossem permanentes; no entanto o homem jamais chega a conhecer o princípio e o fim da ação que Deus realiza. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 143,1a.2abc. 3-4 (R. 1a)

    R. Bendito seja o Senhor, meu rochedo!
    Bendito seja o Senhor, meu rochedo. Ele é meu amor, meu refúgio, libertador, fortaleza e abrigo. É meu escudo: é nele que espero. – R.
    Que é o homem, Senhor, para vós? † Por que dele cuidais tanto assim e no filho do homem pensais? Como o sopro de vento é o homem, os seus dias são sombra que passa. – R.

    Evangelho – Lc 9,18-22

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – Aconteceu que Jesus 18estava rezando num lugar retirado, e os discípulos estavam com ele. Então, Jesus perguntou-lhes: “Quem diz o povo que eu sou?” 19Eles responderam: “Uns dizem que és João Batista; outros, que és Elias; mas outros acham que és algum dos antigos profetas que ressuscitou”. 20Mas Jesus perguntou: “E vós, quem dizeis que eu sou?” Pedro respondeu: “O Cristo de Deus”. 21Mas Jesus proibiu-lhes severamente que contassem isso a alguém. 22E acrescentou: “O Filho do homem deve sofrer muito, ser rejeitado pelos anciãos, pelos sumos sacerdotes e doutores da lei, deve ser morto e ressuscitar no terceiro dia”. – Palavra da salvação.

29
  • São Miguel, São Gabriel e São Rafael, Arcanjos. Festa
    Dia Todo
    29/09/2018

    Primeira Leitura – Dn 7,9-10.13-14

    Leitura da profecia de Daniel – 9Eu continuava olhando, até que foram colocados uns tronos, e um ancião de muitos dias aí tomou lugar. Sua veste era branca como neve e os cabelos da cabeça, como lã pura; seu trono eram chamas de fogo, e as rodas do trono, como fogo em brasa. 10Derramava-se aí um rio de fogo que nascia diante dele; serviam-no milhares de milhares, e milhões de milhões assistiam-no ao trono; foi instalado o tribunal, e os livros foram abertos. 13Continuei insistindo na visão noturna, e eis que, entre as nuvens do céu, vinha um como filho de homem, aproximando-se do ancião de muitos dias, e foi conduzido à sua presença. 14Foram-lhe dados poder, glória e realeza, e todos os povos, nações e línguas o serviam: seu poder é um poder eterno que não lhe será tirado, e seu reino, um reino que não se dissolverá. – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 137(138),1-2a.2bc-3.4-5 (R. 1c)

    R. Perante os vossos anjos vou cantar-vos, ó Senhor!
    Ó Senhor, de coração eu vos dou graças, porque ouvistes as palavras dos meus lábios! Perante os vossos anjos vou cantar-vos e ante o vosso templo vou prostrar-me. – R.
    Eu agradeço vosso amor, vossa verdade, porque fizestes muito mais que prometestes; naquele dia em que gritei, vós me escutastes e aumentastes o vigor da minha alma. – R.
    Os reis de toda a terra hão de louvar-vos quando ouvirem, ó Senhor, vossa promessa. Hão de cantar vossos caminhos e dirão: “Como a glória do Senhor é grandiosa!” – R.

    Evangelho – Jo 1,47-51

    Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo João – Naquele tempo, 47Jesus viu Natanael, que vinha para ele, e comentou: “Aí vem um israelita de verdade, um homem sem falsidade”. 48Natanael perguntou: “De onde me conheces?” Jesus respondeu: “Antes que Filipe te chamasse, enquanto estavas debaixo da figueira, eu te vi”. 49Natanael respondeu: “Rabi, tu és o Filho de Deus, tu és o rei de Israel”. 50Jesus disse: “Tu crês porque te disse: ‘Eu te vi debaixo da figueira’? Coisas maiores que essa verás!” 51E Jesus continuou: “Em verdade, em verdade, eu vos digo, vereis o céu aberto e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do homem”. – Palavra da salvação.

30
  • 26º Domingo do Tempo Comum
    Dia Todo
    30/09/2018

    Primeira Leitura – Nm 11,25-29

    Leitura do livro dos Números – Naqueles dias, 25o Senhor desceu na nuvem e falou a Moisés. Retirou um pouco do espírito que Moisés possuía e o deu aos setenta anciãos. Assim que repousou sobre eles o espírito, puseram-se a profetizar, mas não continuaram. 26Dois homens, porém, tinham ficado no acampamento. Um chamava-se Eldad, e o outro, Medad. O espírito repousou igualmente sobre os dois, que estavam na lista, mas não tinham ido à tenda, e eles profetizavam no acampamento. 27Um jovem correu a avisar Moisés que Eldad e Medad estavam profetizando no acampamento. 28Josué, filho de Nun, ajudante de Moisés desde a juventude, disse: “Moisés, meu senhor, manda que eles se calem!” 29Moisés respondeu: “Tens ciúmes por mim? Quem dera que todo o povo do Senhor fosse profeta e que o Senhor lhe concedesse o seu espírito!” – Palavra do Senhor.

    Salmo – Sl 18,8.10.12-13.14 (R.8a 9b)

    R.A lei do Senhor Deus é perfeita, alegria ao coração
    1. A lei do Senhor Deus é perfeita, / conforto para a alma! / O testemunho do Senhor é fiel, / sabedoria dos humildes. – R.
    2. É puro o temor do Senhor, / imutável para sempre. / Os julgamentos do Senhor são corretos / e justos igualmente. – R.
    3. E vosso servo, instruído por elas, / se empenha em guardá-las. / Mas quem pode perceber suas faltas? / Perdoai as que não vejo! – R.
    4. E preservai o vosso servo do orgulho: / não domine sobre mim! / E assim puro eu serei preservado / dos delitos mais perversos. – R.

    Segunda Leitura – Tg 5,1-6

    Leitura do livro de São Tiago – 1Vós, ricos, chorai e gemei por causa das desgraças que sobre vós virão.2Vossas riquezas apodreceram e vossas roupas foram comidas pela traça.3Vosso ouro e vossa prata enferrujaram-se e a sua ferrugem dará testemunho contra vós e devorará vossas carnes como fogo. Entesourastes nos últimos dias!4Eis que o salário, que defraudastes aos trabalhadores que ceifavam os vossos campos, clama, e seus gritos de ceifadores chegaram aos ouvidos do Senhor dos exércitos.5Tendes vivido em delícias e em dissoluções sobre a terra, e saciastes os vossos corações para o dia da matança!6Condenastes e matastes o justo, e ele não vos resistiu. – Palavra do Senhor.

    Evangelho – Mc 9,38-43.45.47-48

    Leitura da carta de são Tiago – 1E agora, ricos, chorai e gemei, por causa das desgraças que estão para cair sobre vós. 2Vossa riqueza está apodrecendo, e vossas roupas estão carcomidas pelas traças. 3Vosso ouro e vossa prata estão enferrujados, e a ferrugem deles vai servir de testemunho contra vós e devorar vossas carnes como fogo! Amontoastes tesouros nos últimos dias. 4Vede, o salário dos trabalhadores que ceifaram os vossos campos, que vós deixastes de pagar, está gritando, e o clamor dos trabalhadores chegou aos ouvidos do Senhor todo-poderoso. 5Vós vivestes luxuosamente na terra, entregues à boa vida, cevando os vossos corações para o dia da matança. 6Condenastes o justo e o assassinastes; ele não resiste a vós. – Palavra do Senhor.

outubro
outubro
outubro
outubro
outubro
outubro

São Cosme e São Damião