5º dia da trezena de São Sebastião

    Rezaremos nessa segunda-feira, dia 11 de janeiro, o 5º dia da Trezena de São Sebastião que traz como subtema: “São Sebastião, anunciador da alegria”. O Evangelho de Cristo é boa notícia e uma boa nova traz consigo uma grande alegria, porque todos ficam felizes ao recebe-la. Assim o nosso glorioso santo padroeiro anunciava a alegria da salvação que provinha da Palavra de Deus, pois aquele que transmite a boa nova do Evangelho traz consigo uma alegria muito grande e passa essa alegria para todos aos quais ele anuncia a Palavra de Deus.

    São Sebastião era feliz pois todo aquele que é escolhido para anunciar o Evangelho é feliz e ele queria que todos o fossem. Por isso a missão de São Sebastião era anunciar o Evangelho aos desanimados, perseguidos e encarcerados e os encoraja-los para buscar forças em Deus para continuar vivendo e suportar a prisão.

    Por isso o nosso padroeiro não perde a esperança e mesmo diante do martírio e das perseguições que sofria, continuava firme em Deus e não perdia a alegria. Alegria e Esperança caminham juntas, por isso o subtema da trezena de hoje é alegria e o tema da trezena é a Esperança. Pois a alegria vem do Cristo Ressuscitado e o Espírito Santo que a suscita em nós e a esperança é o que nos motiva a continuar vivendo e fazendo o bem aqui na terra, almejando a vida eterna.

    A alegria é um sentimento que todo Cristão deve trazer consigo, pois a alegria nos vem de Jesus, essa mesma alegria deve nos contagiar nesses dias de oração com a trezena de São Sebastião. Que o mesmo sentimento do nosso santo padroeiro nos invada e na medida possível nos reunamos como família e comunidade para rezarmos a trezena. Ao rezarmos a trezena e fazer com que ela chegue a mais casas é uma maneira de evangelizar, ainda mais nesse tempo de pandemia.

    Devemos trazer o sentimento da alegria conosco pois temos a certeza de que o Senhor nunca nos desampara e nem nos abandona, mesmo em meio aos sentimentos de dor e sofrimento Ele está conosco, nos tomando pela mão e nos ajudando a levantar. Tenhamos a certeza de que Ele nunca nos abandona. Podemos observar por meio da Palavra de Deus, acompanhando toda a história da salvação descrita no Antigo Testamento que Deus nunca abandonou o povo escolhido e sempre caminhou com eles. E no início do Novo Testamento envia o seu Filho Jesus Cristo, o Verbo Encarnado e está presente conosco até hoje por meio do seu Espírito.

    Por isso não podemos deixar que a música do Evangelho pare de vibrar nas nossas entranhas, pois é a partir dela que brota que a alegria e provém a compaixão, a ternura que nasce da confiança, a capacidade da reconciliação que encontra a sua fonte no fato de nos sabermos sempre perdoados e enviados. O Evangelho deve sempre nortear a nossa vida para podermos sempre trazer conosco os sentimentos bons.

    Nessa Segunda Feira iniciamos a primeira parte do Tempo Comum e com o início do tempo comum somos convidados a sair em Missão e anunciar a boa nova do Evangelho, somos convidados a sermos mensageiros da esperança e da alegria e a construir aqui na terra o Reino de Deus, esse reino que é paz, amor, perdão e misericórdia. Somos chamados a edificá-lo aqui na terra e a vive-lo de maneira plena no céu.

    O Evangelho (cf. Mc 1,14-20) nos fala exatamente disso, da missão ao qual nós somos chamados que é de anunciar o Reino de Deus. Após o batismo realizado por João no Jordão, Jesus inicia a sua vida pública e começa a chamar os apóstolos para segui-Lo. A alegria de quem era chamado era tamanha, pois largavam todo o trabalho que realizavam para seguir a Jesus. É isso que Jesus espera de nós hoje, que também deixemos para trás tudo aquilo que nos impede de segui-lo e que a alegria seja contagiante em nossa vida.

    Por isso, os santos de maneira geral eram alegres, como por exemplo o nosso Santo padroeiro, não importava a situação ao qual passavam, mas eram felizes pois eram discípulos de Jesus. Mesmo sofrendo o martírio, iam até os algozes felizes pois morreram servindo a Cristo e aos irmãos, pondo em prática aquilo que diz a palavra de Deus.

    Que o Espírito Santo nos encoraje e estimule a continuarmos rezando a nossa trezena em louvor ao nosso padroeiro e que a alegria de sermos anunciadores do Evangelho de Cristo não falte em nós e possamos contagiar de alegria todos aqueles que nos rodeiam e se encontram desanimados. Amém. São Sebastião, rogai por nós.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here

    15 + dezessete =