Rio Encontros 2021

Enquanto buscamos a volta das atividades, animados pela vacinação contra a Covid, o Rio Encontros, ainda impossibilitado de promover o evento presencial, não podia renunciar a realizar sua edição, desta vez de forma on-line. De 5 a 7 de março ocorre a sexta edição deste evento cultural, realizado desde 2014, e o tema deste ano é uma frase do poeta italiano Cesare Pavese: “É bonito viver, porque viver é começar sempre, a cada instante”.

Desde o início, esta iniciativa tem como objetivo oferecer a todas as pessoas expressões verdadeiramente humanas do desejo de verdade, beleza e justiça. Assim, a cada edição o evento tem se tornado um ponto de encontro para pessoas de diferentes crenças, tradições e culturas que se esforçam para a compreensão recíproca, construção mútua e amizade verdadeira.

Na sexta-feira, dia 5 de março, a abertura será às 19h30 um diálogo sobre o vídeo “Gestos e palavras” que conta a trajetória do Papa Francisco. Tradução de um trabalho realizado na Argentina, essa apresentação oferece um percurso pela vida, formação e ação pastoral de Jorge Mario Bergoglio. Quem é este homem escolhido pelo Espírito Santo para guiar o barco de São Pedro? De onde vem essa vida? Os curadores tentam responder a essas questões por meio das etapas de sua vida e atividades com a população dos subúrbios de Buenos Aires. Em seguida, às 21h, o vídeo da mostra ficará disponível no canal Youtube.

No sábado, dia 6, começaremos às 11h falando sobre a questão da educação, num encontro entre educadores da Itália, EUA e Brasil. Às 17h teremos testemunhos de diversas partes do mundo que falam de trabalhos em locais com muitas dificuldades como o Líbano e a Venezuela, com o favorecimento de formação profissional para que as pessoas possam aprender o valor do trabalho e ter meios de sustento para si e suas famílias.

Na noite de sábado teremos um concerto a partir de 20h com o premiado pianista brasileiro, radicado na Itália, Marcelo Cesena.

No domingo, 7 de março, às 11h o evento aborda também a recente problemática do apagão em Macapá e da crise do colapso hospitalar em Manaus no atendimento dos casos de Covid-19. É possível ter esperança diante de necessidades tão sérias?

Naquela tarde mais uma participação internacional. Às 17h, um diálogo com Julián Carrón, espanhol, presidente da Fraternidade do Movimento católico Comunhão e Libertação. Ele encontra o jornalista Evaldo José Palatinsky, locutor esportivo na Super Rádio Tupi, na mesa-redonda com o tema do Rio Encontros 2021. “É bonito viver, porque viver é começar sempre, a cada instante”.

O evento será encerrado na noite de domingo, com um Sarau com músicas e poesias.

Toda a preparação do evento é feita por pessoas que gratuitamente se dedicam durante meses para construir cada momento do Rio Encontros para que todos possam participar. O evento este ano será transmitido online no canal do Youtube do Centro Cultural Fato e Presença.

Outras informações pelo site www.rioencontros.org.br ou pelo Instagram @rioencontrosoficial

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

quatro × 5 =