Não tem tempo para rezar? Estas dicas podem ajudar

Em uma sociedade onde tudo está indo a toda velocidade, ainda temos tempo para orar? Sim, se o quiser. Algumas sugestões para rezar todos os dias a qualquer custo

Os nossos dias estão muito ocupados e passam tão depressa que às vezes falta o tempo e o desejo de rezar. A fadiga toma conta e a oração é rapidamente esquecida. Para quebrar este círculo vicioso, é preciso um pouco de disciplina e boa vontade!

Decidir dedicar um momento de cada dia à oração, só à oração 

STRESS

Shutterstock

 

Se esperarmos até termos tempo para rezar, nunca rezaremos. Se valorizamos a oração, encontraremos sempre alguns minutos para ela.

Confiar ao Senhor este desejo de oração

Stockfour / Shuttersock

 

Deus deseja muito mais do que nós, que O encontremos em oração. Podemos ter certeza de que Ele responderá ao nosso desejo, mesmo que não seja necessariamente quando e como esperamos.

Escolha com antecedência a hora em que você vai orar 

ALARM CLOCK

Alice-photo I Shutterstock

Se necessário, escreva em seu diário (na noite anterior, por exemplo). Afinal, é pelo menos tão importante um encontro como os outros.

Não querer encontrar o momento certo 

POPULISM

Anton Gvozdikov – Shutterstock

Claro que, quando possível, é melhor evitar a hora da sesta ou a hora do dia em que a casa é mais barulhenta. Mas as condições ideais não existem, e Deus não precisa delas: Ele pode nos encontrar no meio do barulho de uma grande cidade ou no torpor de um início de tarde.

Na hora certa, comece imediatamente

RÓŻANIEC

Daniel Jedzura | Shutterstock

geralmente mil atividades urgentes a serem feitas naquele momento. Nós dizemos a nós mesmos: “Vá lá, estou só a ver os meus e-mails”… e nós encontramo-nos a ver um filme. Tanto que o tempo de oração termina sem que ninguém tenha começado a rezar.

Defina uma duração e siga-a

PRAY

Shutterstock

 

Quanto tempo vai demorar? Dez minutos, um quarto de hora, ou mais, para todos poderem respeitar as suas possibilidades. É melhor não ser demasiado ambicioso, sobretudo no início, e permanecer fiel: cinco minutos de oração diária é melhor do que uma hora de vez em quando. E mesmo que sintamos que estamos rezando muito mal, continuemos com isso: os últimos minutos podem ser os mais importantes. 

Multiplicar os pequenos “encontros de oração” no coração do dia

HANDSOME,MAN,DRIVING

Shutterstock

 

Um quarto de segundo é suficiente para virar o coração para Deus no carro, numa fila da loja, enquanto prepara o jantar ou escova os dentes.

Manter a confiança, independentemente do que aconteça

WOMAN TAKING TIME

Shutterstock

O pior inimigo da oração é o desânimo.

Fazer com que todas as nossas acções sejam orantes  

TEENAGER WORKING

Shutterstock

 

Santo Inácio de Loyola dizia que “o homem não serve a Deus somente quando reza”. Isto é, cada ação dá lugar a uma nova oração, apropriada às condições em que se realiza. Isto é o que nos faz “encontrar Deus em todas as coisas”. Assim, mesmo nos dias em que não temos tempo de parar para fazer uma longa oração, demos graças a Deus por tudo o que temos e digamos-lhe: “Senhor, toda a minha obra de hoje, ofereço-ta”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

12 + dezoito =