ENCERRA HOJE, 10 DE JUNHO, O PRAZO DE INSCRIÇÕES PARA OS PRÊMIOS DE COMUNICAÇÃO DA CNBB

Encerram nesta quinta-feira, 10 de junho, as inscrições para os Prêmios de Comunicação da CNBB. Poderão ser inscritos os trabalhos realizados entre 1 de janeiro de 2019 e 31 de dezembro de 2020. Uma das novidades deste ano é o Prêmio Pastoral Kerigma, exclusivo para trabalhos da Pastoral da Comunicação.

Neste ano, segundo o coordenador dos Prêmios, Rafael Alberto, a iniciativa ainda acontece em meio a uma onda crescente de contaminações e mortes pelo novo coronavírus. “Nossa expectativa inicial era realizar a cerimônia de entrega dos prêmios presencialmente em Brasília, na nova sede da CNBB”, conta.

Para garantir a segurança de todos os envolvidos e reiterar a posição da Conferência de valorização da vida, o coordenador dos Prêmios explica que para a 53ª edição haverá uma festa remota. “A ideia é entregar os troféus nas cidades dos premiados, o que também dará uma perspectiva da diversidade das regiões do nosso país”, disse Rafael.

Conheça as categorias dos Prêmios de Comunicação

Os Prêmios de Comunicação foram criados pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) para explicitar o reconhecimento público da Igreja Católica Apostólica Romana ao trabalho meritório de profissionais da comunicação social nos diversos meios que apresentaram suas obras e se distinguiram pelo serviço à dignidade humana e aos valores do Evangelho. Além dos prêmios tradicionais, a CNBB estreia nesta 53ª edição duas novas categorias – Pesquisas de Pós-Graduação e práticas e experiências da Pastoral da Comunicação.

O que é o Prêmio Pastoral Kerigma?

Aprovada pelo Conselho Permanente da CNBB em 2019, esta categoria visa o reconhecimento e o incentivo de ações desenvolvidas pelas equipes de Pastoral da Comunicação das paróquias e dioceses, tendo como critério a implementação das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da CNBB (2019-2023). São válidas para este prêmio todas e quaisquer iniciativas pastorais que destaquem ao menos dois dos seguintes critérios:

– a evangelização no mundo urbano;

– a formação de comunidades eclesiais missionárias;

– a opção preferencial pelos pobres;

– o cuidado da Casa Comum.

Segundo Rafael Alberto, a categoria para a Pascom foi decidida antes mesmo dos desafios impostos pelo novo coronavírus e o objetivo é fazer com que os trabalhos dos agentes da pastoral tenham a mesma oportunidade de outras produções maiores, que contam com recursos profissionais, de serem destacados como um serviço pertinente de propagação dos valores cristãos.

“É significativo que a primeira entrega dessa categoria seja realizada durante a pandemia, pois as restrições para a celebração da missa em nossas paróquias revelou-se um enorme desafio sobretudo para a Pascom, que tem respondido com ações criativas e muito bonitas. Será lindo poder destacar essas ações, para que outras paróquias possam seguir o exemplo”, afirmou.

Prêmio de Cinema “Margarida de Prata”

A CNBB instituiu, em 1967, o primeiro Prêmio de Comunicação Margarida de Prata para o Cinema, que representou um importante apoio à produção cultural livre. O prêmio é entregue em duas modalidades:

a) Longa-metragem: podem participar desta categoria os filmes, ficcionais ou documentários, com duração mínima de 70 minutos.

b) Curta-metragem: podem participar desta categoria os filmes, ficcionais ou documentários com menos de 70 minutos (incluindo créditos).

Prêmio Microfone de Prata

Em 1989, a CNBB apoiou a criação do Prêmio Microfone de Prata para produções radiofônicas, promovido pela União de Rádio Difusão Católica (UNDA-Brasil). Em 2010, a promoção da categoria passou para a Rede Católica de Rádio (RCR). Para concorrer ao prêmio, poderão se inscrever conteúdos veiculados em emissoras de rádio, web rádio e em agregadores de podcast. Cada emissora poderá inscrever até 3 trabalhos por modalidade. A premiação será entregue nas seguintes modalidades:

a) Jornalístico Concorrem trabalhos com duração máxima de 30 minutos (no caso de programas, basta enviar uma versão editada com esse mesmo tempo).

b) Religioso Concorrem trabalhos com duração máxima de 30 minutos (no caso de programas mais extensos, basta enviar uma versão editada com esse mesmo tempo).

c) Entretenimento Concorrem trabalhos com duração máxima de 30 minutos (no caso de programas mais extensos, basta enviar uma versão editada com esse mesmo tempo).

Prêmio Clara de Assis

Em 2005, a CNBB instituiu o Prêmio Clara de Assis para a Televisão, concedido a programas televisivos nacionais produzidos e exibidos por emissoras comerciais, educativas e comunitárias. Mais recentemente, também são aceitos vídeos veiculados em plataformas digitais. Cada veículo pode inscrever até 3 trabalho por modalidade. As modalidades desta categoria são:

a) Reportagem Concorrem nesta modalidade reportagens televisivas com duração entre 1’30 a 5 minutos. Serão aceitas inscrições de séries de reportagens.

b) Documentário Podem se inscrever documentários produzidos e veiculados em canais de televisão que tenham duração entre 15 a 60 minutos.

Prêmio Dom Helder Camara

Em comemoração aos 50 anos de fundação da CNBB, em 2002, a Assessoria de Comunicação da CNBB instituiu o Prêmio Dom Helder Câmara de Imprensa, com o objetivo de premiar reportagens e trabalhos jornalísticos voltados à promoção humana e social. Este prêmio inclui matérias, séries de matérias, reportagens ou outras formas do texto jornalístico. Cada veículo pode inscrever até 3 trabalhos nas seguintes modalidades:

a) Jornal: concorrem trabalhos publicados em jornal impresso (ainda que tenham versões eletrônicas).

b) Revista: concorrem trabalhos publicados em revista impressa (ainda que tenham versões eletrônicas).

Prêmio Dom Luciano Mendes de Almeida

Na celebração de 50 anos dos Prêmios de Comunicação, a CNBB lançou este prêmio para reconhecer o trabalho de convergência midiática realizado no ambiente virtual da internet. Este prêmio está dividido em três modalidades. Os trabalhos concorrentes devem colocar em evidência valores humanos e cristãos, com conteúdo no formato digital:

a) Sites/Portais/Blogs Local na Internet identificado por um nome de domínio, constituído por uma ou mais páginas de hipertexto, que podem conter textos, gráficos e informações em multimídia.

b) Iniciativas com Redes Sociais: projetos lançados em redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter, You Tube, etc) para criar laços entre pessoas em vista da apresentação, defesa e engajamento em uma causa religiosa ou social.

c) Aplicativos Aplicativo (app) é um software desenvolvido para ser instalado em um dispositivo eletrônico móvel.

Prêmio Papa Francisco

Aprovada pelo Conselho Permanente da CNBB em 2019, a categoria visa reconhecer e incentivar o trabalho dos pesquisadores em comunicação, que tanto colaboram com a reflexão, bem como no trabalho pastoral da Igreja no Brasil. Cada pessoa pode inscrever apenas um trabalho nesta categoria. Participam deste prêmio trabalhos acadêmicos, aprovados no período de validade do concurso, nas seguintes modalidades:

a) Mestrado: para esta modalidade, poderão se inscrever autores de dissertações de mestrado que desenvolvam temas ligados à articulação Igreja e comunicação. Serão aceitos trabalhos defendidos entre 1 de janeiro de 2015 e 31 de dezembro de 2020. Para a inscrição, será necessário um breve artigo sobre o trabalho, conforme as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas, entre oito e dez páginas de conteúdo textual, além das referências bibliográficas. A íntegra do trabalho também deverá ser anexada junto à inscrição.

b) Doutorado: para esta modalidade, poderão se inscrever autores de teses de doutorado que desenvolvam temas ligados à articulação Igreja e comunicação. Serão aceitos trabalhos defendidos entre 1 de janeiro de 2015 e 31 de dezembro de 2020. Para a inscrição, será necessário um breve artigo sobre o trabalho, conforme as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas, entre oito e dez páginas de conteúdo textual, além das referências bibliográficas. A íntegra do trabalho também deverá ser anexada junto à inscrição.

Como se inscrever?

Para realizar a inscrição e obter mais informações sobre a 53ª edição dos Prêmios de Comunicação da CNBB basta entrar no seguinte endereço:  www.premios.cnbb.org.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

15 − 5 =