ÁFRICA/REPÚBLICA CENTRO AFRICANA – Reduziu-se a intensidade dos conflitos em Bangui depois do impedimento da candidatura de Bozizé

Bangui (Agência Fides) – “A atmosfera que Papa Francisco nos deixou está moderando muitas reações que até poucos dias atrás teriam sido violentas e hoje são mais pacatas. Infelizmente, porém, alguns meios de comunicação continuam a inflar as notícias de tensões como as de ontem”, dizem à Agência Fides fontes missionárias de Bangui, capital da República Centro-africana, aonde fortes esperanças se acenderam com a visita do Papa em fins de novembro. Ontem, 8 de dezembro, a rejeição, da Corte Constitucional, da candidatura do ex-Presidente François Bozizé para as próximas eleições presidenciais de 27 de dezembro, provocou novas tensões e alguns conflitos.
“Na realidade, nós que vivemos da parte oposta dos bairros envolvidos nos conflitos, não percebemos nada e soubemos pelo rádio o que teria acontecido”, dizem as fontes da Fides. “Esta manhã, o centro da capital estava tranquilo e um porta-voz do partido de Bozizé convidou seus aliados à calma. Acrescentou, no entanto, que não pode excluir que se verifiquem novos conflitos no dia das eleições. Não era uma ameaça, mas uma constatação real”.
“A visita do Papa deu nova confiança ao povo e isso permitiu a retomada de algumas atividades econômicas. Não nos iludimos, porque os graves problemas do país permanecem, mas pelo menos podemos voltar nosso olhar para o futuro”, concluem as fontes da Fides.

Fonte: Agência Fides

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

nove − um =