Papa: não tenham medo da ternura, pois ela dignifica

“Quando alguém disser coisas com “proximidade” expressa ternura: ternura de um olhar sereno, simples; ternura de uma palavra de encorajamento”, afirma Francisco na vídeo-mensagem por ocasião do Dia de “iMision”, ocorrido em Madri.

Manoel Tavares – Cidade do Vaticano 

O Santo Padre enviou uma vídeo-mensagem, nesta quinta-feira (14/06), por ocasião do Dia de “iMision”, ocorrido em Madri, para a formação gratuita de missionários digitais de língua espanhola.

“iMision” é uma Associação, sem fins lucrativos, que reúne várias instituições católicas e pessoas interessadas em evangelizar o continente por meio digital.

Os objetivos da Associação, que nasceu em 2012, são: criar uma rede de Missionários para formar, ajudar e trabalhar juntos na Internet; oferecer uma formação de qualidade a todos os que desejam ser missionários digitais; e organizar eventos formativos.

Em sua vídeo-mensagem, falando em espanhol, o Papa disse:

Quero saudar todos vocês, que estão participando deste Dia Missionário Digital. Vão em frente! O problema que temos hoje não é tanto o que alguém diz ou que não diz, mas qual! Podemos dizer coisas dentro de ambientes de trabalho, totalmente assépticas, que não servem para nada. Podemos dizer coisas à distância, declarações que tampouco podem ser úteis ou que inspiram alguma coisa. O importante é dizer tudo com “proximidade”, estando perto. Quando alguém disser coisas com “proximidade” expressa ternura: ternura de um olhar sereno, simples; ternura de uma palavra de encorajamento, de uma pessoa que acompanha quem fica para trás; ternura dos que estão sofrendo pelos efeitos desta civilização do “descarte”. Não tenham medo da ternura, pois ela dignifica e é linguagem de Deus. Deus se apresenta ao Povo de Israel dizendo como o trata: “Eu me comportei com ele – diz Deus – como um Pai que carrega seu filho nos braços”. Ele se apresenta com uma imagem de ternura. Logo, não tenham medo da ternura. Vão em frente! Comprometam-se com o coração, então sim se pode “dizer” coisas verdadeiras, não coisas assépticas, coisas declaratórias, coisas de compromisso, mas coisas que constroem o futuro.

Abençoo todos vocês e não se esqueçam de rezar por mim. Que a Virgem os proteja”!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

14 − dois =