Tinha 94 anos e faleceu durante Missa em que celebrava 75º aniversário de vida religiosa

A Madre Rosemae Pender, fundadora das Irmãs Franciscanas da Eucaristia, sofreu um ataque cardíaco no domingo passado e faleceu aos 94 anos durante uma Missa jubilar em que celebrava 75º aniversário de seus primeiros votos religiosos.

Esta Missa de renovação dos votos aconteceu na capela das Irmãs Franciscanas de São João, em Connecticut (Estados Unidos), com a participação de 260 fiéis, entre eles amigos e familiares.

Exatamente no momento em que a Madre Rosemae apresentava os documentos da ordem – durante a procissão das ofertas – ao Arcebispo Emérito de Hartford, Dom Henry J. Mansell, inesperadamente ela desmaiou. A Irmã disse às enfermeiras que não se sentia bem e pediu que a levassem para o lado de fora da capela.

“Depois que a Missa terminou, a Madre Shaun Vergauwen – co-fundadora da ordem – entrou na igreja e disse que havia falecido. Houve muitas lágrimas. Devido à sua idade, os presentes devem ter pensado que isto poderia ser um chamado de Deus ao seu Reino”, disse em diálogo com Hartfort Courant a Irmã Suzanne Gross (71), uma das cinco religiosas que estavam renovando seus votos neste mesmo dia.

“Ela realmente foi a base da nossa comunidade, a pedra estabilizadora. Todas nós a venerávamos e olhávamos especialmente sua sabedoria e visão”, disse a Irmã Kieran Foley.

A Madre Rosemae Pender nasceu no mês de setembro de 1921 em Elgin, Illinois. Entrou para o convento das Irmãs Franciscanas da Adoração Perpétua no estado de Wisconsin e professou seus primeiros votos em 1941.

Durante a década de 1960, quando o Concílio Vaticano II chamou à renovação de toda a Igreja, a Irmã Rosemae ajudou a formar a ordem, a qual alguns anos depois se converteu nas Franciscanas da Eucaristia, reconhecida oficialmente pelo Vaticano em 1973.

A Madre Rosemae foi nomeada superiora e mais tarde foi escolhida como a Madre Geral da ordem, servindo neste cargo até 2005.

“Nessa época, 55 mulheres respondemos a este chamado franciscano e à sua liderança. A Madre Rosemae tinha uma fé profunda, um amor profundo pela Igreja e uma grande devoção à nossa comunidade franciscana. Ela ajudou a construir as bases para o início de uma nova busca para a vida franciscana dentro da Igreja”, disse Gross.

Atualmente, a ordem tem comunidades em vários estados, inclusive em Roma e Assis (Itália); Jerusalém (Terra Santa) e Vancouver (Canadá). No total, são 85 religiosas, 32 moram em Maridem, comentou a Irmã Foley.

No dia 10 de julho, às 14h, haverá uma celebração, em seguida rezarão as vésperas e uma bênção na Capela de São João. No dia seguinte, será realizada a Missa às 11h na igreja Holy Angels, localizada em Maridem. O enterro será privado.

 

Fonte: Acidigital

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dois × três =