Presidente da Coreia do Sul será recebido pelo Papa

No encontro, presidente da Coreia do Sul deve transmitir ao Papa mensagem do presidente da Coreia do Norte

O Papa Francisco receberá o presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, no dia 18 de outubro, no Vaticano. A informação foi confirmada nesta terça-feira, 9, por Greg Burke, diretor da sala de imprensa da Santa Sé.

Burke informou ainda que, um dia antes da visita, na quarta-feira, 17, o Secretário de Estado do Vaticano, Cardeal Pietro Parolin, presidirá uma Missa pela Paz pela península coreana, na Basílica de São Pedro, em Roma, da qual o presidente Moon participará.

O porta-voz oficial do presidente da Coreia do Sul, Kim Eui-kyum, enquanto anunciava o encontro oficial do presidente Moon e o Papa, informou que o presidente Moon enviará a Francisco uma mensagem do presidente da Coreia do Norte, Kim Jong-un. De acordo com o porta-voz, uma parte da mensagem de Kim Jong-un ao Papa diz que se ele visitar Pyongyang será recebido de maneira calorosa.

Francisco e as duas Coreias

O Santo Padre esteve na Coreia do Sul de 13 a 14 de agosto de 2014, quando participou da 6ª Jornada da Juventude Asiática.

À época, o Pontífice dedicou a missa do último dia para a reconciliação da península coreana, exortando que o povo coreano rejeitasse uma “mentalidade de suspeita e confronto” e encontrassem novos caminhos para construir a paz.

O Papa Francisco também apoiou as negociações de paz entre as duas Coreias e entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezessete − 3 =