Haiti: contribuição do Papa às vítimas do furacão

Cidade do Vaticano (RV) – O Papa Francisco decidiu contribuir economicamente com as vítimas do furacão “Matthew”, no Haiti.

O Pontifício Conselho Cor Unum informa que serão enviados 100 mil dólares para socorrer a população nesta fase de emergência. A quantia será destinada às dioceses que mais foram afetadas e se trata de uma “primeira e imediata expressão concreta dos sentimentos de proximidade espiritual e encorajamento paterno do Pontífice para com as pessoas e os territórios atingidos”, lê-se no comunicado.

Esta contribuição se insere na rede de ajudas que logo foi ativada em toda a Igreja, envolvendo várias Conferências Episcopais e inúmeros organismos de caridade. A Caritas Haitiana, em parceria com a Caritas Internacional, lançou imediatamente um apelo para socorrer duas mil e 700 famílias e para a compra e distribuição de gêneros de primeira necessidade.

A passagem do furacão na ilha caribenha matou pelo menos mil pessoas e outras milhares ficaram desabrigadas.

Os haitianos no sul do país foram os mais afetados. O Programa Brasileiro contatou a Ir. Neuza Maria Lovis, das Irmãs do Imaculado Coração de Maria, que descreveu o cenário de “desolação” que tomou conta da diocese de Jeremie.

O mesmo descrevem os frades capuchinhos brasileiros que atuam na região de Les Cayes. Segundo os freis Aldir Crocoli e Sérgio Defendi, igrejas, casas, escolas e postos de saúde foram destruídos pelo furacão.

Os capuchinhos residentes no Haiti informaram que os religiosos e religiosas não sofreram ferimentos e estão ajudando pessoas que perderam seus pertences e familiares: “O país não conseguiu se recuperar do terremoto e agora esta tragédia que afeta em torno de um milhão de habitantes”, afirmou Frei Aldir Crocoli.

 

Fonte: Rádio Vaticano

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

2 × um =